,

Pesquisa personalizada
User-agent: Mediapartners-Google* Disallow:
Mostrando postagens com marcador pratos. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador pratos. Mostrar todas as postagens

27 de abr de 2017

Receita: Melhor pão sem glúten e sem lactose

O melhor pão sem glúten.

Esse pão é simplesmente maravilhoso, o
mais gostoso, prático e barato que eu já fiz. Ele é tão espetacular que o
batizei de O melhor pão sem glúten.

Receita:

. 150 g polvilho doce
. 150 g farinha de arroz
. 35 g de açúcar (2 colheres de sopa)
. 2 g, meia colher de chá de goma xantana
. meia colher de chá de sal (2 g)
. 8 g de fermento de pão instantâneo (1 colher de sopa)
. 150 ml de água
. 3 ovos inteiros
. 2 colheres de sopa de óleo



-->

$00.00
Descriptions…

22 de abr de 2017

Foundue - Algumas Receitas

-->

  Foundue - Algumas Receitas


O Festival da Founde promovido pelo Grand Marquise é um sucesso! Para você que aprecia essa maravilha gastronômica vai aqui algumas receitas. Vale lembrar que cada Chef tem seu segredo... venha experimentar o nosso no Restaurante Mucuripe, todas as quintas-feiras, das 19h às 23h.

Local: Hotel Grand Marquise, Avenida Beira Mar, 3980 Fortaleza - CE
Fone: (85) 4006-5000



FONDUE EMMENTHAL 

Ingredientes
200g de emmenthal 
200g de queijo gruyère 
150ml de creme de leite 
01 copo de vinho branco seco 
01 cálice de conhaque 
pimenta do reino branca 
noz-moscada 
alho 


Modo de fazer
Picar todos os queijos em pedaços pequenos. Passas o alho no fundo da panela antes de começar a fazer o fondue. Jogar o vinho branco e o queijo fundido e mexer até derreter. Em seguida vá acrescentando os outros queijos até ficar uma pasta bem consistente. Acrescentar o conhaque e mexa bem. Se ficar muito denso, afine a consistência com um pouco mais de vinho branco. Tempere com a pimenta branca e a noz-moscada. Sirva com cubos de pão levemente torrados. 



FONDUE CRIATIVIDADE DO CHEF 

Ingredientes
01 dente de alho ao meio 
250 ml de vinho branco seco 
125 gr de queijo emmental ralado 
375 gr de queijo Serrano ralado 
02 gemas de ovos 
02 colheres de chá de maisena 
04 colheres de sopa de creme de leite 
02 colheres de sopa de conhaque 
Lingüiça e cubos de pão francês para servir 

Molho de alho
125 gr de pão branco picadinho 
02 dentes de alho 
Sal e pimenta 
250 ml de Azeite 
04 colheres de chá de suco de limão 
01 colher de sopa de vinagre de vinho branco seco 

Modo de fazer 
Esfregue o interior da panela com alho. 
Acrescente o vinho e aqueça até ferver. Aos poucos acrescente o queijo, até derreter, então bata as gemas e o creme de leite e coloque dentro. 
Numa panela pequena misture a maisena com o brandy e acrescente ao queijo e deixe cozinhar, mexendo sempre, até ficar cremoso e grosso. 
Sirva com a lingüiça e o pão




FONDUE DE CHOCOLATE 

Ingredientes
250g de chocolate ao leite 
125g de chocolate meio amargo picado 
200g de creme de leite (com soro) 
½ cálice de licor de laranja “cointreau” 

Modo de fazer
Picar o chocolate, juntar o creme de leite e o licor. Sobre o réchaud (mantendo a chama sempre baixa), fundir a mistura até que esteja homogênea e na temperatura ideal para ser degustada. Observar para que a mesma não entre em ebulição. No caso de utilização de panela de vidro, você poderá fundir a mistura no microondas, usando potência media por 02 minutos. 


18 de ago de 2014

Stinkheads (Tepa) - Iguaria do Alaska

--> Tudo o que os profissionais de beleza precisam saber sobre cabelos e cosméticos, além das novidades do mercado. nossa loja -http://ecabelos.mercadoshops.com.br/ face -https://www.facebook.com/ecabelos

Stinkheads (Tepa) - Iguaria do Alaska

Stinkheads (Tepa), cabeças de salmão fermentadas, são um alimento tradicional dos povos Yup'ik no sudoeste do Alasca. A maneira usual de prepará-los era colocar as cabeças de salmão e vísceras de salmão em um barril de madeira, cubra com pano de saco, e enterrá-lo no chão por cerca de uma semana. Por um curto período de tempo em tempos modernos, sacos plásticos e baldes substituiu o barril, no entanto este aumento o risco de botulismo. Presentemente, Yupik tipicamente fermentar cabeças de peixes no chão em vez de plástico para evitar o risco de botulismo relacionado com a fermentação de produtos de origem animal, em recipientes de plástico.
Depois que a carne do animal tiver com podre e com mal cheiro, é desfiada ou mesmo fazem com as cabeças inteiras caldos quentes.

Espero que tenham gostado.

Abraços

Hákarl - Iguaria da Islândia.

--> Tudo o que os profissionais de beleza precisam saber sobre cabelos e cosméticos, além das novidades do mercado. nossa loja -http://ecabelos.mercadoshops.com.br/ face -https://www.facebook.com/ecabelos

Hákarl - Iguaria da Islândia.(Carne de Tubarão podre)

Para quem acha quem acha que já comeu de tudo nesta vida, ainda não viu nada.
O tubarão utilizado, o tubarão-da-groenlândia, é, em si, venenoso, quando se encontra fresco, produzindo efeitos semelhantes a uma embriaguez extrema, devido a uma concentração elevada de ácido úrico. Mas, pode ser consumido após cozedura em várias águas ou após ser enterrado para putrefacção durante vários meses, sendo exposto a vários ciclos de congelação e descongelação.
Possui um cheiro intenso de amoníaco, não muito diferente de muitos produtos de limpeza. É normalmente servido em cubos com um palito e consumido acompanhado por cálices da aguardente local, denominada brennivín. O consumo de hákarl é frequentemente associado a robustez e força.
Trata-se em parte de um alimento de gosto adquirido, que necessita de algum tempo para a habituação. Aconselha-se aos principiantes que tapem o nariz ao tentarem ingerir o primeiro pedaço, de forma a evitarem o surgimento de vómitos, devido ao odor intenso.
Pode possuir uma cor avermelhada ou branca. O hákarl, em especial a variedade vermelha, é considerado de digestão fácil para pessoas com úlceras.
A preparação tradicional do hákarl começa com o corte em pedaços da carne do tubarão. Em seguida, a carne é enterrada com pedras, para apodrecer entre 6 a 12 semanas, dependendo da estação, para depois ser pendurada a secar numa cabana, durante 2 a 4 meses. Durante a secagem, o tubarão desenvolve uma crosta acastanhada, que é removida antes de servir. O método moderno consiste em comprimir a carne do tubarão num contentor de plástico de grandes dimensões.
Bom resumindo.... você vai para Groelândia e come uma carne podre e fedida.
O hákarl é carne de tubarão decomposta. O tubarão fica enterrado para fermentar em seus próprios fluidos durante vários meses, em seguida, é cortado em tiras e pendurado para secar.

Alguém teria coragem?

Abraços e até a próxima.

Espetinho de Escorpião da China

--> Tudo o que os profissionais de beleza precisam saber sobre cabelos e cosméticos, além das novidades do mercado. nossa loja -http://ecabelos.mercadoshops.com.br/ face -https://www.facebook.com/ecabelos

Espetinho de Escorpião da China

Na parque Longtan em Pequim(China) existem barracas no qual é vendido espeto de escorpião.
Não falei errado..... é de escorpidão mesmo.
Esta é uma das iguarias que os chineses mais gostam.
Enquanto lá um espetinho de frango custa em torno de R$3,00 o de escorpião custa R$9,50.
Em si esta Iguaria não tem muita carne...
A Casquinha dele lembra a casca de camarão, mais nada haver o gosto.
Vc morde aquilo e sente o gosto de oleo velho..rsrsrsrs
Quem for para lá e ter a coragem de comer este inseto, não se preocupe.. o tipo de escorpião frito não é venenoso.
Basta só ter coragem para comer esta iguaria.

Abraços e até a proxima

Pastel da Carélia - Iguaria Filandêsa

--> Tudo o que os profissionais de beleza precisam saber sobre cabelos e cosméticos, além das novidades do mercado. nossa loja -http://ecabelos.mercadoshops.com.br/ face -https://www.facebook.com/ecabelos

Pastel da Carélia - Iguaria Filandêsa

Pastel da Carélia (ou karjalanpiirakka, em finlandês) é um pastel tradicional da culinária da Finlândia, mais concretamente da região da Carélia. Os pastéis da Carélia constituem uma denominação de origem protegida, de acordo com as normas da União Européia. Embora tenham tido origem na parte oriental da Finlândia, é possível encontrá-los em todo o país, na maior parte das pastelarias.
A massa é preparada com farinha de centeio, podendo o recheio ser confeccionado com arroz ou com batata.

A partir da massa, são produzidos discos muito finos, com cerca de 10 cm de diâmetro. Sobre estes é colocado o recheio. As extremidades são dobradas de fora para dentro em cerca de 1 cm, por forma a se obter um rebordo e um aspecto oval. Os pastéis são, depois, cozidos em forno quente. No fim, são pincelados com uma mistura de leite e manteiga, podendo ser barrados com uma mistura de ovo, manteiga (ou requeijão ) e salsa , ou até mesmo acompanhados com presunto.Existem fábricas especializadas na produção destes pastéis, de acordo com as normas estipuladas pela União Européia. Em alguns casos, a produção ascende a 40.000 pastéis por hora numa única fábrica
Quem for para este lindo pais, não pode deixar de experimentar esta iguaria.
Um grande abraço e até a próxima.

13 de ago de 2013

Pizza light de frigideira

Pizza light de frigideira


Ingredientes:
1 disco de massa integral ou light de pizza de frigideira (ou rap  light)
1 copo de requeijão light
Espinafre ou brócolis picado
Cebola picada a gosto
Outros recheios a gosto

Passo a passo:
Prepare um creme de espinafre ou brocólis, refogrando o(s) legume(s) com uma cebola picada. Junte um pouco do requeijão de copo light.

Numa frigideira, coloque o disco de massa (não precisa óleo), o creme de espinafre ou brocolis e, por cima, jogue mais requeijão light. Tampe a pizza, abaixe o fogo e deixe por 2 minutos. Desligue o fogo e coma quentinha.
O recheio pode ser substituído por frango desfiado, atum, salmão, cogumelo ou vegetais. Mas não substitua o requeijão light por outros queijos para manter o mesmo valor calórico do prato.
-->

30 de abr de 2013

MAIONESE DE BATATA

-->

MAIONESE DE BATATA


Ingredientes:

1kg de batatas sem casca cortadas
em cubos médios
sal e pimenta-do-reino a gosto
2 folhas de louro
4 colheres de sopa de salsa picada
1 cebola ralada
1 dente de alho ralado
4 colheres de sopa de azeite1
1 e 1/2 xícara de maionese de
leite (comprada pronta)
5 ovos cozidos e picados
folha de salsa e ovos cozidos
para decorar.

Modo de Preparo:

Em uma panela, em fogo médio,
cozinhe as batatas em água com sal e
o louro por cerca de 5 minutos ou até
começar a amolecer. Não deixe cozinhar
demais para que o legume não dissolva.
Escorra e leve ao congelador por
aproximadamente  15 minutos, sem
passar antes em água fria.
Adicione a salsa picada , a cebola
ralada, o alho ralado e o azeite.
Misture bem e acrescente a maionese.
Tempere com a pimenta-do-reino e, se
necessário, acerte o sal. Acrescente os
ovos picados. Decore com as folhas de
salsa e ovos cozidos . Deixe na geladeira
até o momento de servir.

receita rolinho primavera

Rolinho Primavera Massa: 2 (chá) de farinha de trigo 1 (sopa) de óleo 1 (café) de sal Recheio: 1 (chá) de gengibre picado 1 (sopa) de amido de milho 1 (sopa) de shoyu 1 (sopa) de sakê 2 (sopa) de óleo 300 gramas de lombo de porco, cortado em tiras bem fininhas 300 gramas de repolho, picado em tirinhas 4 talos de cebolinha verde, picados Molho Agridoce: 2 (chá) de extrato de tomate 3 (sopa) de vinagre 2 (sopa) de açúcar 1 (sopa) de shoyu Ppara o Acabamento: Farinha de trigo e água para fazer a "cola" que irá fechar os rolinhos Óleo para fritar Massa: Colocar todos os ingredientes numa tigela funda e juntar 1 e ¾ xícaras (chá) de água. Misturar bem, até formar uma massa líquida e lisa; cobrir com filme plástico e levar à geladeira por uma noite. Recheio: Juntar todos os intredientes, exceto o óleo e misturar bem. Aquecer o óleo numa frigideira grande e de material grosso e refogar o recheio em fogo forte, mexendo com uma espátula de madeira. Reservar. Aquecer uma frigideira pequena e colocar pequenas porções da massa, espalhando rapidamente com a ajuda de um pincel, para que fique bem fina; dourar somente de um lado, retirando do fogo quando ela começar a soltar da frigideira. Arrumar os discos de massa sobre um prato raso e repita a operação até terminar toda a massa. Para montar os Rolinhos: Estender cada disco de massa sobre uma superfície seca, distribuir o recheio frio na parte central de cada disco, dobrando-os em seguida como se fosse um "embrulho". Fechar cada rolinho pincelando as laterais da massa com uma mistura feita com farinha de trigo e água. Fritar os rolinhos em bastante óleo quente, banhando como pastel. Retirar com uma escumadeira e escorrer sobre papel-toalha. Misturar bem todos os ingredientes do molho e servir acompanhando os rolinhos. Dicas: Caso queira congelar os discos de massa, proceder da seguinte maneira: depois de pronta, forrar uma assadeira grande com filme plástico, arrumar uma camada com massas e forrar novamente com filme plástico. Fazer outra camada, cobrir e levar ao freezer por 2 horas. Retirar as massas da assadeira e colocar num saquinho no freezer. Caso prefirir, preparar um rolinho vegetariano: substituir a carne por 150 gramas de cenoura ralada em tiras finas e por ½ pimentão vermelho, também cortado em tiras finhas. Refogar, rechear e fritar como o rolinho tradicional; pode-se, também, substituir o recheio por queijo (de coalho, de minas).
-->

22 de mar de 2013

Como Fazer Feijoada

--> receita para 20 pessoas. Use sua criatividade, aumente o caldo e sirva com arroz, couve, farofa, laranja e torresmo, para render.


Feijada (atenção: serve 20 pessoas!)

Ingredientes (para a feijoada)
1,5kg de feijão
5 lingüiças
3 pedaços médios de bacon
1kg de costela de porco salgada
1kg de lombo de porco salgado
0,5kg de costela de porco fresca
0,5kg de lombo de porco fresco
1kg de carne seca
2 pés, 2 orelhas, 2 rabos, 2 línguas de porco (todos salgados)
2 cebolas grandes picadas
4 dentes de alho picado
6 folhas secas de louro
(*) 1 laranja descascada (sem a parte branca e sem sementes)


Ingredientes (para o molhinho de pimenta)
1 tomate
1 pimenta vermelha dedo de moça
1/2 xícara de salsinha e cebolinha picada
4 pimentas de cheiro

Ingredientes (para o arroz)
6 xícaras de arroz (cru)
1 cebola pequena
2 dentes de alho picadinho
2 colheres de sopa de óleo

Ingredientes (para a farofa)
1 pacote grande de farinha biju (ou de mandioca torrada normal)
2 linguiças calabreza picadas
1 xícara de bacon picado em quadradinhos
1 pacote de manteiga sem sal (200g)
1 ovo
3 colheres de sopa de azeitona verde picada
1/2 cebola picada
1 dente de alho picado

Ingredientes (couve refogada)
4 maços de couve picada fina
8 dentes de alho
óleo para refogar



Modo de Preparar (- + ou - 12h antes de servir)
Pegue todas as carnes salgadas (costela, lombo, carne seca e apêndices do porco) e pique o que estiver inteiro (não precisa picar pequeno, seja generoso nos pedaços). Lave as carnes picadas pra tirar o excesso de sal e coloque de molho em bastante água (pra isso as panelas grandes). eu sou maníaca e costumo colocar as carnes todas separadinhas nas panelas, mas é frescura. se quiser e couber na panela, pode misturar.
Escolha o feijão, lave e coloque de molho cobrindo completamente de água (atenção, novatos: o feijão incha que é uma loucura, por isso, não coloque água ou feijão até a borda da vasilha, e, se a vasilha não for grande, coloque em 2)


Modo de Preparar a Feijoada (no dia de servir ou 12h depois)
Dessalgue as carnes: Jogue a água das carnes fora, lave todas muito bem, devolva tudo pras panelas com bastante água e coloque pra ferver. Ferveu? Jogue a água fora, lave tudo, coloque mais água e ferva de novo. Enquanto as carnes fervem, sugiro que você prepare o resto dos ingredientes da feijoada e deixe no jeito: corte as carnes frescas em pedaços não muito pequenos, corte as linguiças em rodelas, o bacon em pedaços pequenos, pique a cebola e o alho e descasque a laranja. Prontas as carnes, pegue suas panelas de pressão e faça um bem-bolado em cada panela, distribuindo os ingredientes: coloque feijão, um mix das carnes dessalgadas (um pouco de cada), carnes frescas, linguiça e o bacon. Adicione 2 folhas de louro (eu amo. se quiser diminuir não tem problema) e 1/4 da laranja descascada (se a panela for grande eu colocaria 1/2 laranja). Coloque a panela fechada no fogo e, depois que "chiar", conte 15 minutos. Não deixe "só mais um pouquinho", senão o feijão dissolve.
Atenção: nada de sal, nada de nenhum tipo de tempero na panela de pressão. confie.
Esse processo das panelas de pressão eu faço quantas vezes for necessário pra acabar o feijão e as carnes. Na última vez fiz 3 vezes. Conforme cada "leva" do cozido feijão + carnes vai ficando pronto, eu vou colocando no panelão já com o refogado, mas sem ainda ligar o fogo. "uando tudo fica pronto eu coloco pra cozinhar.
Enquanto as panelas de pressão estão no fogo cozinhando sua pré-feijoada, prepare o refogado no panelão que vai receber o que sair das panelas de pressão: coloque óleo na panela, esquente, coloque a cebola picada, refogue um pouco até amolecer. coloque o alho e misture até dourar bem de leve e desligue o fogo. Só depois que o conteúdo de todas as panelas de pressão estiver na panelona é que você vai começar a cozinhar a feijoada propriamente dita.
Tudo cozido nas panelas de pressão? Misture na panelona, mexa bem e coloque no fogo médio. Experimente e conclua que não precisa de um pingo de sal. Mexa de vez em quando (cuidado com o fundo) com aquela colher de pau grande que eu recomendei (senão não chega no fundo, né?) e deixe apurar (o que é apurar? deixar os sabores se misturarem e o maravilhoso feijão fazer efeito e engrossar, criar caldo).


Clique no link que deixei em "Fonte" e leia os demais conselhos do autor da receita, bem como as receitas para os acompanhamentos da feijoada e a relação de utensílios necessários. Deixei também o link de dicas valiosas para quem deseja preparar uma feijoada para este número de pessoas (inclusive com orçamento).

13 de mar de 2013

Dicas para o cozimento do macarrão

-->

Dicas para o cozimento do macarrão:

- Use 1 litro de água para cada 100g de massa.
- Use água filtrada. Dizem que são necessários 30 minutos para que a fervura elimine as impurezas da água. Como seu macarrão não vai demorar isso tudo para cozinhar, não custa usar água filtrada. Na dúvida, é melhor se prevenir!!  :)
- Cada massa tem um tempo de cozimento. Leia o modo de preparo na embalagem e siga-o corretamente.
- Coloque sal na água quando ela ferver, antes de acrescentar o macarrão. O sal irá temperar a massa. Se você colocar sal quando a água ainda estiver fria, ela irá demorar mais para ferver.
- Eu gosto da massa “al dente“, então espero a água ferver para depois acrescentar o macarrão. Se você colocar antes, vai ficar “meio cozido demais”. Se gostar assim, tudo bem!
- Para não ficar tudo grudado dentro da panela, o importante é a quantidade de água e que você mexa a massa. É que os fios ficam grudados quando começam a cozinhar, você precisa soltá-los!
- Para evitar que o macarrão fique grudado demais no cozimento, procure distribuir os fios ao redor da panela, dando espaço entre eles. Não coloque todos juntos, na mesma direção. Isso vai te dar mais trabalho na hora de desgrudar.
- O fio de azeite que muitas pessoas usam é desnecessário. A função dele seria não deixar o macarrão grudar, mas você já sabe como se faz!
- Se o macarrão não couber inteiro na panela, não precisa quebrar! Deixe metade para fora que, quando o que estiver lá dentro começar a amolecer, ele irá escorregar. Ajude mexendo!
- Esse negócio de lavar o macarrão quando termina de cozinhar é besteira. Não precisa, sem lavar fica mais gostoso!
- Caso vá servir com o molho separado, dissolva um pouco de manteiga no macarrão ou então use azeite. Você também pode misturar um pouquinho do molho, só pra “sujar” a massa. É que se você não fizer nada disso, ele vai esfriar e grudar. O mesmo serve para quando você quiser cozinhar o macarrão e guardar para esquentar depois.

como fazer arroz a grega

-->

Ingredientes:

 
  • 1/2 cebola ralada
  • 1 cenoura picada miúdo
  • 1/2 xícara (chá) de vagem picada ou ervilhas frescas
  • 1 cubo de caldo de galinha sal a gosto
  • 4 xícaras (chá) de água
  • 1 dente de alho picado margarina para refogar
  • 1/2 pimentão vermelho picadinho miúdo
  • 2 xícaras (chá) de arroz lavado
   

Modo de Preparo:

  1. Refogue a cebola e o alho na margarina. Junte o arroz e refogue cerca de 5 minutos, até secar bem 
  2. Junte os legumes picados e a água com o caldo de galinha dissolvido. Quando ferver, ajuste o sal. 
  3. Tampe e deixe cozinhar em fogo baixo 
  4. Desligue o fogo quando secar e deixe o arroz na panela, descansando, por mais cerca de 5 minutos.

como fazer arroz de forno

-->
Receita de arroz de forno

Ingredientes

½  (chá) de queijo parmesão ralado
1 (chá) de azeitonas picadas
6 (chá) de arroz cozido
½ (chá) de azeite
3 caixas de molho de tomate (500 gramas cada)
300 gramas de queijo mussarela fatiado
300 gramas de presunto fatiado
Sal e pimenta-do-reino a gosto
3 dentes de alho picados
4 ovos cozidos e picados
1 cebola picada
Modo de preparo
Em uma panela, colocar o azeite, a cebola, o alho e fritar por 5 minutos ou até dourar levemente. Acrescentar o molho de tomate, as azeitonas, sal, pimenta e cozinhar por 15 minutos ou até ficar um molho espesso. Em um refratário, vá alternando camadas de molho, de arroz, de ovo, de presunto e de mussarela, até acabar em mussarela. Polvilhar o parmesão ralado e levar ao forno, preaquecido, por 20 minutos ou até a mussarela derreter. Retirar do forno e servir.

Como fazer arroz carreteiro

-->
  • 1 kg de carne seca
  • 1 cebola (picada)
  • 1 colher de sopa de cheiro-verde
  • 2 xícaras de chá de arroz
  • 2 dentes de alho picados
  • 6 colheres de sopa de azeite
  • Sal a gosto

Modo de preparo

1. Antes de tudo pegue a carne seca e deixe de molho na agua um dia antes, depois no dia do preparo cozinhe a carne até ficar mais macia, na etapa final desfie.
2. Pegue uma panela antiaderente e despeje fios de azeite para fritar a carne até doura, depois adicione a cebola picada e alho.

3. Depois coloque o arroz e frite mais um pouco, finalize acrescentando um pouco de água quente para você cozinhar todos os ingredientes.
4. Na hora de servir jogue um pouco de cheiro-verde para temperar a receita de arroz carreteiro.

como fazer arroz no microondas

--> Arroz Simples no microondas
Ingredientes
2 xícaras de chá de arroz
4 xícaras de chá de água fria
1 cebola picada, Óleo, Sal
Preparo: Misture tudo e leve ao microondas em recepiente semi-tampado de 18 a 22 minutos na potência alta. Tempo de Preparo : 25 minutos - Rendimento : 8 porções

Arroz Branco no microondas I
Ingredientes
2 dentes de alho picados
3 colheres de sopa de óleo
3 xícaras de arroz
4 ½ xícaras de água, sal a gosto
Preparo: Coloque no refratário grande o alho e óleo. Leve ao microondas em potência alta por 1 ½ min até o alho começar a dourar. Junte o arroz e água e tempere com sal. Mexa bem. Tampe parte do refratário e cozinhe em ALTO por 18 min. Deixe descansar l0 min e sirva quente. Rende16 porções.

Arroz Branco no microondas II
Ingredientes (receita pequena)
1 colher de café de tempero pronto
1 x de arroz, 2 x de água
Preparo: Coloque no refratário o arroz lavado. Junte a água e tempere com o tempero pronto (dissolva o conteúdo de uma colher em uma das xícaras. Mexa bem.Tampe com papel filme e faça furos com um grafo (para o ar poder sair) e cozinhe por 14 min. Sirva quente.

Arroz a 4 queijos no microondas
Ingredientes
4 x de arroz cozido
150grs de queijo gorgonzola
150grs de parmesão ralado
150grs de muzarela
150grs de queijo cremoso
150grs de creme de leite
1 c.s. de manteiga
Preparo: Pique os queijos em cubos pequenos, junte o parmesão e o cremoso. Misture e reserve. Num refratário fundo, coloque a manteiga e aqueça no micro em P.M. por 1min. Junte os queijos e torne a levar ao forno (P.M.) por + 4 min, mexendo de vez em quando até que os queijos estejam derretidos. Junte o creme de leite e volte ao forno por 2 min (P.M.). Quando começar a ferver, retire do forno, misture ao arroz já cozido e sirva imediatamente.

Arroz Chinês no Microondas
Ingredientes
2 colher (sopa) de cebola
2 colher (sopa) de cebolinhas
1 colher (sopa) de margarina
2 xícaras (chá) de arroz
2 caldo de galinha
2 xícaras (chá) de água quente
2 ovos batidos
1 1/2 colher (sopa) de molho de soja
Preparo: Pique a cebola e a cebolinha verde, bata os ovos e reserve. Num recipiente, coloque a cebola, a margarina e leve ao forno por 2 minutos na potência máxima, para fritar. Dissolva o caldo de galinha na água quente, junte a cebola e o arroz. Cubra o recipiente e leve ao carrossel. Cozinhe por 8 a 10 minutos na potência máxima, até a água começar a ferver. Deixe por 5 a 6 minutos no tempo de espera, com o recipiente coberto, até a água ser totalmente absorvida. Misture ao arroz os ovos e o molho de soja, volte ao carrossel por 2 a 4 minutos na potência máxima, com o recipiente destampado, até os ovos cozinharem, mexendo eventualmente. Afofe com o garfo antes de servir.

Arroz Caprichado no microondas
Ingredientes
1 copo de arroz
1 lata de seleta de legumes
100 g de queijo mussarela
4 fatias de queijo branco
100 g de presunto
1 colher de café de tempero pronto ou 1 sachê de sazon para arroz
Preparo: Corte em cubinhos o queijo branco, o presunto e desfie a mussarela. Coloque em um pirex o arroz com o tempero e dois copos d?água e leve ao microondas em potência alta por 15 minutos. Após 9 minutos coloque a lata de seleta de legumes, os queijos e presunto em cubinhos, mexa bem e mais 3 minutos em potência alta. Depois de pronto adicione (se quiser) queijo ralado e pronto. É só

Arroz doce de microondas
Ingredientes
1 pitada de canela em pó
1 xícara de chá de arroz
2 copos de leite desnatado
1 colher de sopa de margarina
1 lata de leite condensado
3 colheres de sopa de açúcar
2 gemas de ovo, Cravo da índia a gosto
Preparo: Ponha o arroz para cozinhar com o leite e a margarina durante 10 minutos na potência alta (ou até que o leite seque quase por completo e você perceba que o arroz está "al dente") Retire do forno e adicione os outros ingredientes. Leve novamente ao microondas por mais 6 minutos (a cada dois minutos você precisa tirar o recipiente e mexer suavemente). Retire do microondas, deixe esfriar e leve a geladeira. Se preferir, sirva com uma pitada de canela em pó por cima.

Como fazer arroz doce?

--> Receita de Arroz doce tradicional

Ingredientes

1 xícara (chá) de arroz lavado e escorrido
2 xícaras (de chá) de água
4 cravos
2 paus de canela pequenos
4 xícaras (de chá) de leite
1 xícara (de chá) de açúcar
Canela em pó

Modo de preparo

Coloque o arroz, a água, os cravos e a canela para cozinhar em fogo baixo e com a panela tampada.
Quando a água secar e o arroz estiver cozido, acrescente o leite e o açúcar.
Quando ferver, baixe o fogo e deixe o leite engrossar mexendo de vez em quando.
Quando o engrossar e estiver bem cremoso, estará pronto.
Coloque em uma travessa e polvilhe canela em pó antes de servir.

Rendimento: 4 porções
--------------------------------------------------------------------------------------
Arroz doce:
1 litro de leite
2 xícaras de arroz (cru ainda)
1 xícara de açúcar
1 lata de leite condensado
1 lata de creme de leite
canela em pau se quiser
Modo de fazer:
Lave as duas xícaras de arroz umas duas vezes.coloque em uma panela grande o leite e espere esquentar um pouco, junte o arroz e deixe cozinhar até você experimentar e sentir que o arroz está bem cozido, não mole demais.Caso o leite for secando junte mais leite até cozinhar o arroz.Se desejar acrescente canela em pau na hora do cozimento para dar sabor.Assim que o arroz estiver cozido e com pouco leite, acrescente o leite condensado e o creme de leite, se você ver que ficou sem doce um pouco acrescente 1 xícara de açúcar!!

---------------------------------------------------------------------------------
Eu faço assim!
Cozinho 2 xícaras de arroz só na água
Enquanto ele cozinha
Em uma panela eu derreto
2 xícaras de açúcar, sem escurecer
mexendo sempre para não escurecer
depois coloco
1 litro de leite
deixo ferver em fogo baixo até desgrudar todo
o açúcar do fundo da panela, coloco alguns cravinhos,
depois do arroz cozido, coloco o leite e deixo ferver mais
uns 5 minutinhos, acerto o açúcar e pronto, é só esfriar
Fica um sabor muito bom e não precisa leite condensado.
Coloco também 1 colher chá de baunilha, isso que vai
dar aquele gostinho especial!

------------------------------------------------------------------------------

Como fazer arroz

--> Ingredientes
1 xícara de arroz lavado
2 xícaras de água fervente
1 dente de alho amassado
1/4 de cebola picada
Azeite o suficiente
Sal a gosto

Modo de Preparo
Refogue o alho e a cebola no azeite
Coloque o arroz e deixe fritar por cerca de 30 segundos
Adicione a água fervente e o sal
Abaixe o fogo e deixe cozinhar até a água ter quase sacado
Tampe a panela e aguarde cerca de 20 minutos antes de servir
Se desejar fazer mais, é só seguir as proporções, principalmente da água

---------------------------------------------------------------------------------------------
 Primeiro esquente água em uma chaleira, deixe ferver.
Enquanto isto, despeje 1 xícara e meia de arroz em uma panela;
Coloque uma colher de óleo (ou azeite), e mexa o arro;
Despeje a água que ferveu e deixe um dedo de altura acima do arroz;
Coloque uma colher pequena de sal, mexa, prove para ver se está bom de sal;
Deixe cozinhar por uns 5 minutos, acrescentando mais um pouco de água e deixe secar; PRONTO!
Ai está o arroz soltinho e perfeito! O meu eu faço assim faz anos, e nunca ficou "unidos venceremos".

------------------------------------------------------------------------
 O arroz que eu preparo não precisa refogar antes nem escorrer depois. Fica soltinho e muito gostoso.

Mede 2 xícaras de arroz e 5 xícaras de água. Coloca a água prá ferver e lava o arroz duas vezes (coloca o arroz numa panela e coloca água da torneira na mesma panela. Com as mãos vc vai agitando o arroz na água. Depois escorre a água). Quando a água estiver fervente, coloca a água na panela do arroz e leva ele ao fogo. Coloca o fogo no mínimo. Coloca sal no arroz (duas colheres de chá rasas). Tampe parcialmente a panela do arroz (tampa a panela e depois afasta um pouco para ficar só uma aberturinha pro vapor sair). Quando o arroz apresentar furinhos aumente o fogo, tampe a panela totalmente e marque 2 minutos. Depois disso, se ainda tiver um pouquinho de água, é só deixar no fogo por mais um pouco com a panela destampada. Caso contrário, desligue o fogo e deixe a panela tampada por uns 5 minutos e estará pronto o arroz.

Eu ainda gosto de fazer o seguinte: antes de levar o arroz ao fogo, pico em pedacinhos bem pequenos uma cenoura e 1/4 de pimentão. aí coloco junto com o arroz para cozinhar. Se vc gostar de passas, coloca uma xícara de cafezinho de passas no arroz quando ele apresentar os furinhos e mexe a panela (é que as passas não precisam cozinhar, basta colocá-las quando o arroz está quase pronto).
Mas se vc preferir faz só o arroz branco mesmo.
---------------------------------------------------------------------------------

8 de ago de 2012

Bacalhau Espiritual


Bacalhau Espiritual
Para 4 pessoas

INGREDIENTES:
1,200 kg de Bacalhau Desfiado Dessalgado
( ou 1 kg de Bacalhau Desfiado Salgado e Seco )

600g de natas (creme de leite fresco
)
2 xíc. de molho bechamel
4 dentes de alho
3
cenouras raladas
3 cebolas picadas
10
0g de queijo ralado
10
0g de margarina
1 xíc. de azeite extra-virgem

Sal
Pimenta
Salsa Picada
Noz Moscada

MODO DE PREPARAR:
( Se o bacalhau é salgado e seco, deve antes ser dessalgado conforme as instruções. )

Levar ao fogo a margarina com o azeite, a cebola e o alho picados e as cenouras raladas. Juntar o bacalhau desfiado e temperar com sal e pimenta. Fazer o molho bechamel e misturar o bacalhau. Levar ao fogo, juntando as natas (creme de leite fresco), o queijo ralado e a salsa picada. Retirar do fogo e colocar num tabuleiro untado. Levar ao fogo a gratinar, polvilhando com queijo ralado e noz-moscada.
MOLHO BECHAMEL:
1 colher (sopa) de manteiga
1/2 colher (sopa) de farinha de trigo
1/2l de leite integral
Sal a gosto
Derreter a manteiga em uma panela média. Adicionar a farinha de trigo e mexer bem para não formar bolinhas. Tirar do fogo e acrescentar, aos poucos, parte do leite e sal, até dissolver a farinha. Retornar ao fogão, em fogo baixo, e continuar acrescentando, aos poucos, o restante do leite, até engrossar.

7 de jun de 2012

comida boliviana

A comida boliviana é muito variada. Os pratos do Planalto abundam em féculas e carbohidratos. São típicos os chunhos ou tintas, batatas muito gostosas secadas ao frio. O satja, um caldo de frango coberto de molho de pimentões picantes ou a saltenha, empada de carne e verduras, como forma de bola, são outras das delícias nativas.

O desjejum compõe-se principalmente, de café com bolos ou pastelaria. A metade da manhã costuma-se tomar algo, escolhendo provavelmente as saltenhas para degustar nessa hora. A comida principal do dia é a do meio dia, o almoço. Que consiste em uma sopa, como entrada e um prato principal, seguido de sobremesa e café. O jantar é similar ao almoço, porém menos elaborado.

A carne é muito apreciada na Bolívia, e normalmente é acompanhada por arroz, batatas e alface; tudo isto temperado com um molho picante, llajhua, baseado em tomates e locotos… Nas terras baixas é popular a mandioca e os vegetais locais, que vêem a subsituir às batatas… A carne costuma ser de cordeiro, bode ou lhama. A carne de porco é reservada para as grandes ocasiões, enquanto que o leitão é uma especialidade de Cochabamba. As carnes preparam-se ensopadas ou grelhadas. O frango, preferencialmente frito, é também, comum na gastrônomia boliviana. Consome-se também o peixe, a truta é típica do Planalto, do Lago Titicaca. O robalo, o dourado e o surubim são outros dos peixes que encontram-se nas águas bolivianas. Em algumas áreas, servem também de alimento partes do macaco e do jacaré.

Outras especialidades típicas são as papas recheiadas, batatas preparadas com algo de picante; a lhaucha pacenha, típica de La Paz, que contém uma massa de pão e queijo; os tomates recheados, com qualquer coisa, carne com tempero ou vegetais.

Muitos vegetais conservam-se em escabeche para durar mais e resulta também, muito populares. Irá encontrar chola, pão enrolado recheado de carne, cebola, tomate e escabeche, em numerosos postos. Assim como, choclo, espiga de milho preparada.

COMIDAS TÍPICAS DE BOLÍVIA

COMIDAS TÍPICAS DE BOLÍVIA

As comidas típicas da Bolívia diferem de acordo com a região do país. Nas cidades da região ocidental ou andina a base dos pratos é o milho, queijo, carne suína, ovino, batatas, pimenta. Já nas cidades de vale (região central ) como Cochabamba, Tarija e Chuquisaca as comidas são variadas e consume-se bastante verdura, batata, milho e carne bovina. Na região oriental (Santa Cruz, Beni e Pando), os pratos são a base de arroz, mandioca, carne bovina, queijos, derivados de aves.Fricasé de Cerdo (Região Andina)
Comida típica boliviana com carne suína, "chuño" = batata deshidratada, "mote"= milho branco, "Ají amarillo" = Pimenta em vagem amarela, temperos. Muito difundida no ocidente boliviano.


Majao ou Majadito (Região Oriental)
Comida típica da região oriental da Bolívia (Santa Cruz de la Sierra) parecido como o arroz carreteiro brasileiro. Leva ovo e carne de sol.



Chicharrón de cerdo (Região dos Vales)
Comida típica da região dos vales da Bolívia (Cochabamba). Carnes suinas fritas acompanhadas de milho (choclo) e "Llajua "=molho picante



Lambreado de Conejo (Região dos Vales)
Comida típica boliviana com carne de Ramster (porquinho da Índia), acompanhada de arroz, batata cozida, salada e Chuño.

Postagens populares

Minha lista de blogs

tang

Abobora Doce Recheada Adimito Amendoas Bacalhoada Bolinho Caranguejo Bolinho Recheado Queijo Bolos Decorados Mecanico Calda Manjar Carne Receita Cerveja Creme De Maca Croqueta Frango Presunto Feito Cuscuz Marroquino Folhadinhos Rapidos Gelatina Abacaxi Hoteis Inquilinato Laranja Morangos Licor Ameixa Macas Glaceadas Massa Leitao Massas Yakisoba Menus Dia Namorados Microondas Pao Molho Requeijao Frango Molhos Especial Tender Muffins De Halloween Paelha Marisco Panquecas Ovos Pate De Caviar Pessego Receitas De Pimenta Limao Polpa Manga Receitas Castanhas Portuguesas Receitas Cheesecake Receitas Rapidas Natal Repolho Crespo Risotto Pato Saladas Vinaigrette Sobremesas De Copinhos Sopa Arroz Feijao Sopa Courgette Sorvetes De Damasco Souvlaki Spaghetti Receitas Tarte Espinafres Frango Tarte Fruta Natas Tomates Forno Video Racao Humana