PESQUISE AQUI








Pesquisa personalizada






Mostrando postagens com marcador peixes e aves. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador peixes e aves. Mostrar todas as postagens

6 de mai de 2017

enguia defumada

-->


Enguia defumada - peixes útil com um sabor único.Como cozinhar a enguia defumada em casa e que ela pode fazeruaria com alta sabor e qualidades nutricionais.

suave carne, doce deste peixe tem uma massa de características úteis e é altamente considerado no mundo da culinária.

Enguia fumada - princípios gerais para a preparação

Acne é o mar eo rio.Ambos os tipos têm um sabor agradável e comido ativamente.peixe fumado é preparado saladas, lanches e outros pratos.Também em lojas podem ser encontrados a enguia fresca, refrigerada ou congelada.Para home-fumado é melhor não usar um produto que tenha sido congelada.
antes de fumar é importante para remover da superfície Todas as enguias lodo.Ela não só estraga o sabor, mas também a aparência, e no processo de preparação pode originar o produto cinzento e desagradável à vista.Muco pode ser removido com uma faca, papel, areia grossa ou sal.
Como quaisquer outros produtos, antes de cozinhar enguia marinada é necessária.Para este efeito, especiarias, sal.bem prosolit peixes desejável que foi deixado dentro do ichor.
coptas enguia pode ser tant
o frio e processo quente.Em casa, você pode usar tanto equipamento convencional e elétrica.Os peixes são pendurados em ganchos ou dispostas em grades.O tempo de cozedura depende da temperatura e do tamanho do peixe.Você pode cozinhar aves inteiras, mas em casa é melhor em pedaços pequenos.

1 Receita: enguia defumada em casa

enguia tem uma carne bastante macio que é bem perca a fumaça, absorve odores.A principal dificuldade que você pode encontrar - é ichor ao longo do cume.Portanto, os grandes peixes não são recomendados para fumar completamente.ingredientes
Necessários

  • Enguia defumada, em Bad Zwischenahn

1 de mai de 2017

CARNES e similares

-->

CARNES

Temperaturas recomendadas
Carnes refrigeradas: até 10ºC, no máximo. Preferencialmente até 4ºC.
Carnes congeladas: -18ºC com tolerância até -12ºC.
Frios e embutidos industrializados: até 10ºC ou de acordo com o fabricante.
Produtos salgados, curados ou defumados: temperatura ambiente ou recomendada pelo fabricante
Voltar

Carnes Bovina e similares
Quando frescas, são compactas, apresentam gordura branca e firme, cor vermelho-brilhante e cheiro agradável. Não compre se a carne estiver escura ou esverdeada (ou outras cores estranhas ao produto), o cheiro for desagradável e não houver origem determinada e carimbo de inspeção do Ministério da Agricultura, denominado Serviço de Inspeção Federal (SIF).
Não deve haver formação de gelo superficial, água dentro da embalagem nem sinal de re-congelamento (gelo de cor avermelhada). A consistência deve ser firme, não amolecida, nem pegajosa; com odor característico.
Voltar

Carnes Suínas e similares
Devem ser recebidas de preferência congeladas; não deve haver formação de gelo superficial ou entre as peças nem água dentro da embalagem ou qualquer sinal de re-congelamento (gelo avermelhado). A consistência deve ser firme, não amolecida, nem pegajosa; com odor característico.
A cor característica é vermelho pálida. Não deve apresentar escurecimento ou manchas esverdeadas e/ou outras cores estranhas ao produto; deve-se observar se há formações redondas brancas de cisticercos, semelhantes a "canjicas".
Voltar

Aves
Estão boas quando a cor da pele variar do branco ao amarelo rosado (sem escurecimento, manchas esverdeadas ou outras colorações estranhas), a superfície for brilhante e firme ao tato. Verifique o carimbo de inspeção (SIF) e a validade.Não deve haver formação de gelo entre ou sobre as peças; água dentro da embalagem, nem sinal de re-congelamento (gelo avermelhado). A consistência deve ser firme, não amolecida, nem pegajosa; com odor característico.
Voltar
Miúdos (coração, fígado, rins, língua)
Estão bons quando a superfície é brilhante, firme ao tato e a cor é regular, sem pontos brancos. É importante também que não haja mau cheiro.
Voltar
Embutidos
Não deve haver formação de gelo sobre ou entre as peças, água dentro da embalagem, nem sinal de re-congelamento.
A consistência deve ser firme, não pegajosa, com odor característico, sem odor de ranço; com a cor característica de cada classe, sem manchas pardacentas, esbranquiçadas, verdes ou cinzas.
Voltar

Peixes
Estão frescos quando os olhos estão arredondados, brilhantes e salientes; as guelras vermelhas, úmidas e intactas; a carne presa à espinha, a pele brilhante, o ventre desinchado, as escamas bem aderidas e brilhantes e o cheiro suave. Se você apertar a carne, ela deve voltar à posição rapidamente. A cor característica dos filés geralmente é branca ou ligeiramente rósea.

Se embalado, não deve haver água dentro da embalagem, nem sinal de re-congelamento. Pescados salgados, curados ou defumados devem estar em temperatura ambiente, desde que especificado na embalagem.
Voltar

Camarão
Não deve haver formação de cristais de gelo ou água dentro da embalagem, nem sinal de re-congelamento.
O corpo deve se apresentar curvo, não deixando escapar facilmente as pernas e cefalotórax. A carapaça deve ser transparente, deixando visualizar coloração dos músculos, aderente ao corpo e libertando-se sem aderências musculares, quando forçada.
Olhos na cor negra e bem destacados; com odor característico e cor rosada ou acinzentada, de acordo com a espécie, sem pigmentação estranha.
Voltar

 

Ostras, mariscos, mexilhões e vieiras
Não deve haver formação de cristais de gelo ou água dentro da embalagem, nem sinal de re-congelamento. A consistência característica é esponjosa, gelatinosa, elástica, fechadas e com grande retenção de água incolor e límpida nas conchas.
 
A carne deve estar aderida à concha e úmida; o odor deve ser o característico e a cor é cinzenta clara nas ostras e amarelada nos mexilhões e mariscos.
Lula e polvo
Não deve haver formação de cristais de gelo ou água dentro da embalagem.
Voltar
Produtos embalados


Verifique o prazo de validade e outras informações que são importantes, como ingredientes utilizados, composição nutricional, modo de conservação e de preparo.
A embalagem precisa estar perfeita. Não pode estar estufada, enferrujada, amassada ou rasgada. O produto não deve estar com a cor, cheiro ou consistência alterados.

Observe se o local de armazenamento está em boas condições, se as prateleiras estão limpas, os refrigeradores e freezeres ligados e em temperatura adequada.
Só compre produtos de origem animal com o selo de garantia do Serviço de Inspeção Federal (SIF), do Ministério da Agricultura.

O produtor e/ou indústria devem estar identificados no rótulo, assim como o número de registro do estabelecimento. Se houver qualquer dúvida sobre o uso e conservação do produto, consulte o serviço de orientação ao cliente do local de venda e da indústria

Como limpar e matar uma lagosta

-->

1Resultado de imagem para Como limpar e matar  uma lagosta

Coloque a lagosta no congelador durante 15 a 20 minutos. Isso vai paralisar a lagosta e retarda o seu movimento para torná-lo muito mais fácil de trabalhar.
2

Afiar a faca que você estará usando. Certifique-se a faca está afiada o suficiente para cortar o shell do lagosta. Além disso, encontrar uma placa de corte grande para o trabalho e colocar um pano de prato debaixo da superfície para a estabilidade extra.
3

Achatar a lagosta em uma grande tábua de cortar. Com um aperto firme, agarrar a cauda onde se junta ao corpo.
4

Com a outra mão, pegue a faca e coloque-o sobre uma polegada a partir dos olhos. A lâmina da faca deve estar voltado para longe de sua mão que está segurando a cauda da lagosta.
5

Pressione a faca na cabeça da lagosta; este tem de ser um movimento muito rápido. Certifique-se a faca vai todo o caminho através da cabeça e em cima da prancha de corte. Traga a lâmina da faca para baixo entre os olhos para terminar o corte de sua cabeça.

Dicas:

  • Para evitar qualquer tipo de lesão, certifique-se as faixas de borracha em torno das garras ficar durante o corte da lagosta.
  • Antes de se matar lagostas, mantê-los úmidos com algas, papel-toalha molhada ou jornal molhado em uma geladeira ou refrigerador.

Como matar e limpa Coelhos

-->
1. Coelhos fornecê-lo com carne saborosa que é a casa-raise e livre de hormônios, como carnes produzidas em massa. No entanto, se você nunca matei ou preparado anterior, pode parecer uma tarefa intimidante no começo. Matar e preparar um coelho para comer não é difícil na prática, mas exige precisão e rapidez para garantir que nenhuma dor é infligida sobre o animal e para garantir que a carne não está danificado. Saber como matar e preparar coelho contribui para um estilo de vida auto-suficiente. Resultado de imagem para limpa coelho


Instruções

2.

Puxe o coelho pelas orelhas em toda a superfície do bloco pesado de açougueiro dever. Com a corda dobrada abaixo do bloco sobre o final, onde os pés do coelho está enfrentando, o coelho vai ser esticada e incapaz de se mover. Segure as orelhas do coelho com força e incline os coelhos cabeça para cima para expor sua garganta.
3.

Trazer para o lado da lâmina do machado afiado firmemente, com força suficiente para romper artéria carótida do coelho, que é a principal artéria de espessura em sua garganta. Se sua força é grande o suficiente, você pode ser capaz de cortar a cabeça do coelho fora com o machado. Caso contrário, cortando a artéria é uma técnica adequada e segura para matar o coelho. Permitir que o sangue escorra da artéria cortada durante cerca de 10 minutos. Isso é chamado de "sangramento", e ele limpa o sangue desnecessário de carne de caça.
4.

Espalhe o corpo do coelho sem vida para fora na frente de você em sua parte traseira com seus pés alastraram para fora. Sua barriga macia deve estar apontando para cima.
5.

Corte logo abaixo da primeira camada ou duas de pele com o cortador de caixa logo abaixo do esterno do coelho, até o seu ânus. Esta incisão cirúrgica, como é necessário para esfolar e preparar ainda mais o coelho. Certifique-se de não perfurar órgãos do estômago do coelho, porque romper o saco biliar ou outros órgãos vitais pode fazer o gosto da carne horrível.
6.

Dobre os dedos sob a incisão para retirar a pele e pele da carne do coelho. Puxe firmemente que a pele se separa da carcaça. Deslize-lo em uma peça depois de trabalhar-lo livre do corpo do coelho. Você pode ter que cortar a cabeça e os pés do coelho antes de alcançar este objectivo. Isto deixa o conjunto de carcaça sem pele do coelho.
7.

Perfurar a pele do coelho apenas abaixo do esterno, na sequência do mesmo tipo de incisão é feito para remover a pele. Desta vez, apenas perfurar a uma profundidade suficiente para expor as entranhas do coelho. Não fure os órgãos. Deixe-os cair do coelho em um caixote do lixo. Retire o excesso de sangue e matéria órgão de carcaça para escavar-lo.
8.

Pique a carcaça de coelho ao meio longitudinalmente. Este divide em duas metades separadas. Você pode trimestre-lo como um passo opcional também.
9.

Adicionar um quilo de sal de mesa para 5 litros de água fria, purificado. Use o balde de 5 litros. Coloque a pele, metade da carcaça de coelho no balde de solução de salmoura e cobri-lo. Deixe-o por até cinco horas. Isso remove o excesso de sangue e penetra na carne fazendo-a concurso e perderá o seu sabor gamy. Cozinhe com a sua escolha de receita depois disso.

Branquear com água ou vapor

--> Branquear com água
Deixe ferver bem água com pouco sal numa panela grande. Prepare os legumes e coloque-os num escorredor, cesto ou coador que se adapte à panela. O alimento deve circular dentro do recipiente. Ponha os legumes na água, tape e deixe a água voltar ao ponto de ebulição o mais depressa possível. Volte a mexer os legumes assim que a água recomeçar a ferver. Deixe ferver durante o tempo requerido retire e coloque imediatamente os legumes em água gelada para interromper o processo de cozimento, escorra imediatamente. – Branquear a vapor

Use uma panela grande com tampa apertada e encha com 5 cm de água. Coloque uma grelha na panela e deixe ferver (certifique-se de que a água não toca na grelha). Junte os legumes, colocando-os folgadamente numa camada única sem ultrapassar os 5 cm de profundidade e tape a panela. Branqueie a vapor durante o tempo necessário, depois coloque os legumes em água gelada para interromper o processo de cozimento, escorra imediatamente.
– Branquear no micro-ondas
Ponha ½ kg de legumes numa caçarola para micro-ondas e junte 5 colheres de sopa de água. Tape e cozinhe na potência máxima durante 4-6 minutos até estarem cozidos. Deixe esfriar e escorra.
Experimente branquear os legumes antes do preparo. Os legumes ficarão com uma textura incrível.

Branquear Alimentos.pra que branquear os legumes e verduras

-->
para as verduras não escurecer
O que é Branquear?
Branquear é uma técnica útil com várias funções. É usada para preparar legumes crus para uma cocção final posterior – por exemplo, se for fritá-los sem gordura ou salteá-los e quiser fazer alguma preparação prévia – e para congelar.
Branquear inibe a ação de enzimas que pode ocorrer durante o congelamento, deixando os legumes em bom estado para um cozimento posterior.
Também se pode branquear para remover a casca a determinados frutos e legumes, para realçar a cor, para reduzir o amargor de legumes e para retirar o sal da carne de porco salgada e do bacon. Se quiser tornar a carne mais tenra, também tem de ser feito antes de cozinhá-la.
Branqueiam-se os alimentos fervendo-os brevemente em água e deixando-os depois repousar em água fria até estarem completamente frios. A maioria dos legumes pode ser branqueada com água fervente e muitos podem ser branqueados no vapor, o que preserva a forma e conserva mais nutrientes.
Também pode branquear no micro-ondas, mantém a cor e os nutrientes. Os tempos dependerão dos legumes e do uso que lhes dará; se quiser simplesmente descascá-los com mais facilidade, de 1 a 2 minutos é o suficiente.

ostra como limpa uma ostra

-->
  1. Como há uma grande variedade de frutos do mar, alguns passos básicos serão descritos. Para limpar mexilhões é importante observar primeiramente se não há mexilhões abertos ou com a concha quebrada. Nesse caso, os que estiverem quebrados ou abertos devem ser descartados, já que podem estar contaminados e representarem um risco para a saúde.
    Depois de descartados, os quebrados e abertos, deve-se colocar todos em uma vasilha e deixar de molho em água. Essa etapa tem como finalidade remover traços de areia e sujeira que estão presentes no casco.

    Após ficar por volta de vinte minutos de molho na água, deve-se limpar unitariamente os mexilhões, retirando qualquer filamento que esteja externo à concha. Depois, troque os mexilhões de recipiente e, com uma escova macia, limpe cada um deles. Por fim, seque os mexilhões e armazene ou cozinhe da forma pretendida.
  2. 2
    Se a pessoa for limpar ostras, ela deve considerar algumas etapas. Deve-se analisar se a ostra não se apresenta danificada, sendo que sua concha está inteira e sem espaços quebrados. Também deve se observar se a ostra não está apresenta aberturas, nesse caso é indicado o descarte imediato já que estará imprópria para o consumo. Para limpá-la é indicado o uso de um pano úmido e uma escova, para a remoção da sujeira presente na concha.

    Com a mão deve-se retirar qualquer parte que esteja externa à concha, sendo algum fio ou parte do molusco que ficou para fora da carapaça. Vale relembrar que o consumo de ostras é indicado na forma fresca, para não ocasionar danos à saúde.
  3. Resultado de imagem para como limpa uma ostra
  4. 3
    A limpeza adequada dos frutos do mar são muito importantes para o consumo seguro desse alimento. Assim não há muitos segredos, sendo que primeiramente os moluscos quebrados devem ser descartados. Depois eles devem ser colocados em água e mantidos por um tempo. Posteriormente devem ser limpos com uma escova ou pano macio, nessa etapa a pessoa pode utilizar água corrente para facilitar o processo. Por fim devem ser bem secos e guardados no refrigerador por não mais que uma semana ou cozidos.
s ostras são um dos frutos do mar mais desejável, gosto, cheiro e textura torná-los únicos. Mas tão importante quanto manter ostras em perfeito estado é saber antes de comer limpe-o correctamente, pois podem danificar este fabuloso prato. Ostras limpa é um processo delicado e fazê-lo com calma, com as ferramentas certas e, especialmente, com a arte que explicamos a seguir. Para iniciar Ostras limpas deve remover os pêlos que cobrem toda a concha da ostra colocado sob uma torneira de água fria, para preservar todo o sabor, esticar e cabelos para removê-los. Agarre a ostra com um pano, ele deve tomar a ostra para a área em torno dela, deixando o ar na maior angular. Digite a faca especial para abrir frutos do mar, insira-o apenas meio centímetro. Passe a faca especial em torno da abertura de ostras, terá que começar bem, porque a ostra deve forçar a quebrar aderências que mantêm a ostra fechada. Faça alguma alavanca e ver como você está dando ostras, se ele custa em outros lugares navegar para aguçar ostras gradualmente. Uma vez que a ostra é aberta e pode ser facilmente limpo e servir, tome cuidado para não rodar, pois cairia todos os sucos de ostras. Com uma faca de cozinha para cortar a aderência normal entre o shell carne e ostras, passando a faca sob a ostra. Quase Oyster já limpo e pronto para servir, basta colocar a ostra em uma cama de gelo para se refrescar. Para limpar as ostras não use uma faca normal, são muito finas e pode quebrar usa uma faca especial para abrir frutos do mar. Limpe a ostra com água fria e não voltes as ostras aberto porque uma vez que você perde o suco. - See more at: http://cafe-matutino.info/alimentos/como-limpar-as-ostras.php#sthash.jhVAq7B6.dpuf
s ostras são um dos frutos do mar mais desejável, gosto, cheiro e textura torná-los únicos. Mas tão importante quanto manter ostras em perfeito estado é saber antes de comer limpe-o correctamente, pois podem danificar este fabuloso prato. Ostras limpa é um processo delicado e fazê-lo com calma, com as ferramentas certas e, especialmente, com a arte que explicamos a seguir. Para iniciar Ostras limpas deve remover os pêlos que cobrem toda a concha da ostra colocado sob uma torneira de água fria, para preservar todo o sabor, esticar e cabelos para removê-los. Agarre a ostra com um pano, ele deve tomar a ostra para a área em torno dela, deixando o ar na maior angular. Digite a faca especial para abrir frutos do mar, insira-o apenas meio centímetro. Passe a faca especial em torno da abertura de ostras, terá que começar bem, porque a ostra deve forçar a quebrar aderências que mantêm a ostra fechada. Faça alguma alavanca e ver como você está dando ostras, se ele custa em outros lugares navegar para aguçar ostras gradualmente. Uma vez que a ostra é aberta e pode ser facilmente limpo e servir, tome cuidado para não rodar, pois cairia todos os sucos de ostras. Com uma faca de cozinha para cortar a aderência normal entre o shell carne e ostras, passando a faca sob a ostra. Quase Oyster já limpo e pronto para servir, basta colocar a ostra em uma cama de gelo para se refrescar. Para limpar as ostras não use uma faca normal, são muito finas e pode quebrar usa uma faca especial para abrir frutos do mar. Limpe a ostra com água fria e não voltes as ostras aberto porque uma vez que você perde o suco. - See more at: http://cafe-matutino.info/alimentos/como-limpar-as-ostras.php#sthash.jhVAq7B6.dpuf
As ostras são um dos frutos do mar mais desejável, gosto, cheiro e textura torná-los únicos. Mas tão importante quanto manter ostras em perfeito estado é saber antes de comer limpe-o correctamente, pois podem danificar este fabuloso prato. Ostras limpa é um processo delicado e fazê-lo com calma, com as ferramentas certas e, especialmente, com a arte que explicamos a seguir. Para iniciar Ostras limpas deve remover os pêlos que cobrem toda a concha da ostra colocado sob uma torneira de água fria, para preservar todo o sabor, esticar e cabelos para removê-los. Agarre a ostra com um pano, ele deve tomar a ostra para a área em torno dela, deixando o ar na maior angular. Digite a faca especial para abrir frutos do mar, insira-o apenas meio centímetro. Passe a faca especial em torno da abertura de ostras, terá que começar bem, porque a ostra deve forçar a quebrar aderências que mantêm a ostra fechada. Faça alguma alavanca e ver como você está dando ostras, se ele custa em outros lugares navegar para aguçar ostras gradualmente. Uma vez que a ostra é aberta e pode ser facilmente limpo e servir, tome cuidado para não rodar, pois cairia todos os sucos de ostras. Com uma faca de cozinha para cortar a aderência normal entre o shell carne e ostras, passando a faca sob a ostra. Quase Oyster já limpo e pronto para servir, basta colocar a ostra em uma cama de gelo para se refrescar. Para limpar as ostras não use uma faca normal, são muito finas e pode quebrar usa uma faca especial para abrir frutos do mar. Limpe a ostra com água fria e não voltes as ostras aberto porque uma vez que você perde o suco. - See more at: http://cafe-matutino.info/alimentos/como-limpar-as-ostras.php#sthash.jhVAq7B6.dpuf

As ostras são um dos frutos do mar mais desejável, gosto, cheiro e textura torná-los únicos. Mas tão importante quanto manter ostras em perfeito estado é saber antes de comer limpe-o correctamente, pois podem danificar este fabuloso prato. Ostras limpa é um processo delicado e fazê-lo com calma, com as ferramentas certas e, especialmente, com a arte que explicamos a seguir. Para iniciar Ostras limpas deve remover os pêlos que cobrem toda a concha da ostra colocado sob uma torneira de água fria, para preservar todo o sabor, esticar e cabelos para removê-los. Agarre a ostra com um pano, ele deve tomar a ostra para a área em torno dela, deixando o ar na maior angular. Digite a faca especial para abrir frutos do mar, insira-o apenas meio centímetro. Passe a faca especial em torno da abertura de ostras, terá que começar bem, porque a ostra deve forçar a quebrar aderências que mantêm a ostra fechada. Faça alguma alavanca e ver como você está dando ostras, se ele custa em outros lugares navegar para aguçar ostras gradualmente. Uma vez que a ostra é aberta e pode ser facilmente limpo e servir, tome cuidado para não rodar, pois cairia todos os sucos de ostras. Com uma faca de cozinha para cortar a aderência normal entre o shell carne e ostras, passando a faca sob a ostra. Quase Oyster já limpo e pronto para servir, basta colocar a ostra em uma cama de gelo para se refrescar. Para limpar as ostras não use uma faca normal, são muito finas e pode quebrar usa uma faca especial para abrir frutos do mar. Limpe a ostra com água fria e não voltes as ostras aberto porque uma vez que você perde o suco. - See more at: http://cafe-matutino.info/alimentos/como-limpar-as-ostras.php#sthash.jhVAq7B6.dpuf

Cassoulet com confit de pato gratinado

-->

Resultado de imagem para Cassoulet com confit de pato gratinado
Ingredientes (6 pessoas)
3 copos de feijão preto (olho) cornille
Uma caixa médio esmagado enlatado tomate
Maggi um copo bovino
1 bouquet garni
1 cebola
4 pernas de pato cristalizadas
3 salsichas Toulouse
50 g de pão duro
pimenta do reino
1. feijão enxaguar e mergulhe-os em uma panela de água fria para um dia. No dia seguinte, lave e escorra.
2. Descasque a cebola, picar com uma faca.
3. Refogue a cebola em uma panela com uma colher de sopa de gordura de pato. Adicionar o conteúdo da caixa de tomate, caldo de vitela, garni e feijão bouquet. Umedeça com água até dois centímetros acima do feijão.
4. Cobrir e cozinhar no calor médio durante 45 minutos a 60 minutos, até que os grãos são preparados.
5. Enquanto isso, frite as salsichas para assar em todos os lados. Remover confit gordura da coxa, retire a pele e corte-os ao meio.
6. Prove o feijão e tempere com sal e pimenta. AVISO Não sal também, confit vai sal no prato.
7. Despeje o feijão em uma assadeira grande. Adicione as salsichas pela metade, e confit.
8. Misture o pão duro para conseguir migalhas grosseiras, em seguida, polvilhe por cima do prato.
9. Coze durante 45 minutos de cozedura a 180 °. Eu usei a função de convecção combinada com vapor moderado no meu forno Neff Variosteam para evitar fazer muito seco meu prato durante o cozimento. E foi muito bom!

Kulibiak salmão torta Russian

-->
ingredientes
  1. - 25 g de óleo de girassol
  2. - 1 litro de água
  3. - sal a gosto
  4. - 150 g de arroz de grão longo
  5. - 3 ovos cozidos
  6. - 200 g de alho-porro
  7. - 50 g de cebola
  8. - 1 dente de alho
  9. - 50 g de manteiga
  10. - 250 g de cogumelos
  11. - 800 g de salmão (limpo, sem pele e sem osso)
  12.  - pimenta a gosto
  13. - endro fresco ou a gosto
  14. - 2 folhas de massa de pão quebrou
  15. - 1 ovo batido (para pincelar)
Para o molho
  1. - 100 g de vinho branco
  1. - 200 g de creme (creme de leite)
  2. - 1/2 colher de chá. sal
  3. - 1 pitada de pimenta
  4. - salsa picada e endro fresco picado a gosto
preparação
  1. Em uma panela, cozinhar o arroz em água com óleo e sal. Quando cozido, tensão, deixe esfriar e reserve.
  2. Pique o alho-poró, cebola e alho em pedaços pequenos e frite em manteiga em uma frigideira. Quando quase são, adicione os cogumelos picados, sal e mexa até ficar macio. Retire do fogo e reserve. Em um tabuleiro com papel vegetal, espalhar uma folha de massa e colocar uma camada de arroz (2 cm deixando aresta limpa para aderir). Em cima, coloque o sofrito reservados. Em seguida, coloque o salmão por cima e polvilhe com sal, pimenta e endro. Finalmente, cobrir o salmão com claras de ovos picados, e gemas de ovos finalmente picada.
  3. Cobrir o material de enchimento com a outra folha de massa e que liga os bordos. Escova com ovo batido, picar a superfície com uma forquilha (para permitir que o vapor escape) e assar no forno pré-aquecido a 200 durante 30 minutos ou até que a crosta é de ouro.
salsa
  1. Em uma panela, levar a ferver vinho branco durante 5 minutos para evaporar o álcool. Após esse tempo, adicione o creme de leite e tempere a gosto. Cozinhe por mais 4-5 minutos, até que o molho comece a engrossar ligeiramente. Incorporar salsa picada e endro, e servir o molho sobre torta quente.
    preparação Thermomix
    1. Pour na água vidro, óleo e sal. Apresentando a cesta com arroz e programa dentro de 15 minutos / Varoma / velocidade 1. Retire o cesto com a cara da espátula e deixe o arroz frio. Rejeitar a água no vidro.
    2. Introduzindo o alho-porro, cebola e alho para o vidro e ajuste 5 seg / vel 5.
    3. Com a espátula, vegetais para baixo na bacia inferior e adicione a manteiga. Programa 6 min Varoma / colher de velocidade.♥ Se desejar, você pode decorar a superfície da massa de pizza com flores ou outros motivos. Era tão bela apresentação ...
    4. Adicionar cogumelos (completas) e programa de 4 seg / vel 4. Adicionar sal a gosto e faz saltar 4 min / Varoma colher rotação / velocidade / inversa. Retire o recipiente de molho e deixe esfriar.
    5. Armar colocando torta de enchimento em camadas, de acordo com as instruções nas etapas 3 e 4 da receita tradicional acima mencionada.
    6. Molho: Verta no copo de vinho branco, sem colocar a taça, a programação 5 min / Varoma / vel 1. Adicionar o creme, temperar a gosto e programação 4 min / 100 / vel 3. Adicionar a salsa e endro picado e servir o molho sobre torta quente.
    notas

26 de abr de 2017

Como Limpar Uma Arraia



-->

$00.00
Descriptions…

Arraia Como cortar, limpar e preparar sua carne.

-->

Arraia Marinha – Como cortar, limpar e preparar sua carne.


Como tenho privilegio de morar em Recife, antes que a cidade se transforme numa metrópole irreversível, tenho o hábito de pescar todos os finais de semana.
Pesco desde os seis anos de idade, apreendi no litoral paulista, com meu avo paterno e meu pai.
Tenho como hábito a pesca com anzóis, porém, utilizo os grandes e apenas retiro do mar peixes que alimentam minha família e de amigos.
Devo dizer que levo mais para o mar do que ele me entrega.
Mas a coisa deve funcionar assim, vou pescar com iscas variadas e orgânicas que irão contribuir com a alimentação de vários organismos marinhos.
Isso quer dizer que o oceano me retribui.
No início da semana santa levei meus dois filhos menores e mais três amigos para pescar.  As idades variavam de 11 a 13 anos, quatro meninos e uma menina.
Aventura total, mas faltava algo, cadê os peixes.
Chegamos em nosso point às 23 horas do sábado, passamos a noite pescando e fomos agraciados no final da empreitada com duas arraias, uma de aproximadamente 5 Kg e outra de 10 Kg.
Com tanta proteína animal de qualidade, alimentamos quatro famílias.
Chegamos ao ponto crucial, como limpar, tratar e saborear os presentes que recebemos do mar.


Como Cortar e Preparar a Carne das Asas
Nas arraias que pescamos, troxemos para casa as asas. Um amigo pescador ficou com as outras partes, não desprezamos nada.
O primeiro passo é retirar da pele da arraia o muco, que alguns chamam manteiga.
Retirei esfregando laranja e em seguida colocando as asas em água corrente.
Retirei a pele da arraia com uma faca bem afiada, separei a carne do couro, a arraia não é um peixe de escamas.
Carne separada, temperei os filés com laranja, sal e folhas de louro.
Levei a carne para um caldeirão grande e acrescentei cebolas, deixar em fogo brando, a carne ficou o tempo necessário para ficar cozida.
Retirei a carne cozida e reservei.
Desfiei os filés, retirando a cartilagem, a carne branca servirá para inúmeras preparações.






Como limpar peixe sapo tamboril

Passo a passo, a limpeza do peixe sapo tamboril, um dos melhores peixes da costa brasileira, mas bem pouco conhecido.

-->

$00.00
Descriptions…

Limpando. Ourico do mar




-->

$00.00
Descriptions…

como limpar e cozinhar um ouriço-do-mar

-->
Ouriços do mar são redondas, frutos do mar espinhoso comumente encontrada no Mediterrâneo, do Pacífico americano e as águas do norte da Europa. Ouriços do mar estão freqüentemente disponíveis comercialmente cor vermelha, verde ou preto. A parte comestível do ouriço-do-mar tem cinco pares de ovos que são sensíveis a vários métodos de cozimento, incluindo a caça furtiva e refogar. Ouriços do mar também ser comidos crus ou brevemente marinado em um líquido ácido tal como o suco de limão, para uso em ceviche.
Resultado de imagem para como limpar um ouriço do mar
Corte em torno do topo do shell do ouriço-do-mar, com uma tesoura de cozinha. Adicione cortes no bordo exterior de ouriços do mar para expor a carne. Drenar o líquido (o líquido encontrado em frutos do mar) e retirar as vísceras (órgãos).
Solte o ovas de ouriço do mar deslizando suavemente uma espátula de borracha entre eles e no interior do reservatório. A casca contém cinco par de ovas, cada contido dentro de uma fina membrana. Não quebrar ovos. Remova todas as vísceras que permaneçam com pinças de cozinha. Lave os ovos em água fria para remover restos de líquido, depois escorra.
Coloque os ovos em uma placa de corte e tempere a gosto com sal kosher. Adicione uma colher de sopa de azeite de oliva para uma panela e coloque em fogo alto. Quando o óleo começa a brilhar, colocar os ovos na panela e fazer saltar de cerca de 20-30 segundos de cada lado. Não cozinhe demais – ouriço-do-mar ovas são extremamente frágeis, relativamente fina e deixe cozinhar muito rapidamente.

22 de abr de 2017

caviar um das coisas mais valorizadas do planeta.

-->
O caviar é um dos ingredientes mais valorizados, emblemáticos e luxuosos que nós temos no mundo, e o fato dele ser tão caro, desperta ainda mais a atenção e a curiosidade das pessoas em degusta-lo. Produto de águas geladas do hemisfério norte, o caviar parece algo muito supervalorizado por se tratar apenas de ovas de peixe, mas ao compreender como é feito para obtê-las, é possível entender o fato de ser um ingrediente extremamente caro, e que poucos possuem acesso.
Ovas de peixes não fecundadas e salgadas, basicamente essa é a definição para o caviar, um das coisas mais valorizadas do planeta. As ovas do caviar original provem do Esturjão, um peixe lendário, que surgiu na época dos dinossauros, entre 50-200 milhões de anos atrás. São 24 espécies de esturjão existentes, porem de apenas quatro espécies se pode consumir as ovas. É do esturjão beluga o melhor e mais caro caviar.
Os Russos e os Persas foram os primeiros a comercializarem caviar no mundo, em tempos em que na maioria dos países, ou o consumo não era cultura ou nem mesmo permitido.  A produção de caviar que antes era selvagem, com o tempo desapareceu por causa da pesca predatória, a poluição, e a proibição da união europeia da pesca do esturjão. A Rússia que sempre foi a maior produtora de caviar do mundo, e já chegou a englobar 90% da produção mundial, vê a França ganhando muito espaço nos últimos anos, com a produção de caviar em fazenda.
Diferentes tipos de caviar
Diferentes tipos de caviar
A criação do esturjão é muito complexa, uma vez que para a extração do caviar, o peixe além de ter que ser fêmea precisa estar velho, dificultando ainda mais o processo. Só é possível saber o sexo depois de três anos, e logo após a identificação, os machos são descartados, mantendo apenas as fêmeas. Desde o momento inicial, são sete anos até o peixe poder produzir o caviar, isso quando criado em fazenda, tendo em vista que no oceano o tempo é muito maior.
Durante todo o desenvolvimento do peixe, absolutamente tudo é controlado, desde a temperatura da água, até o próprio caviar. Depois de sete anos, cerca de 1 kg de caviar é retirado, proporção que em média é sempre 10% do peso. Se ao final desse período a quantidade de caviar ainda não está adequada, mais dois anos são esperados, até fazer uma nova avaliação. Esse controle das ovas do peixe é feito com uma câmera especial, que funciona como uma ultrassonografia.
O controle da temperatura da água é essencial para a qualidade do caviar, e o tempo de frio também. Quanto mais fria a água melhor, pois deixam as ovas com uma textura mais firme. A ração e os períodos de alimentação também são diariamente controlados, pois influenciarão no resultado final.
Criação de esturjão em Bordeaux na França
Criação de esturjão em Bordeaux na França
Após todo esse longo processo, ocorre à coleta das ovas, geralmente entre setembro e março, época de clima mais frio. Uma vez feita à coleta, as ovas passam por uma peneira mais larga, que irá separa-las da membrana, e em seguida enxaguadas em água. O caviar é um produto da natureza, e por isso nunca será padronizado, com as mesmas texturas, cores e sabores. É feita uma classificação das ovas, levando-se em consideração esses três elementos, e por ultimo elas são salgadas. Como fase final, o caviar é colocado em embalagens diferenciando os tipos existentes, e são mantidos na refrigeração, em um processo de “envelhecimento” que pode durar até 8 meses.
O ciclo de produção do caviar é um dos mais complexos existentes, o que justifica a valorização dada ao produto. O seu sabor é de fato interessante, e entre os tipos diferentes existentes, é possível sentir a textura mais cremosa de um, o sabor mais forte do outro, e etc. São vários os riscos assumidos ao criar o esturjão, o primeiro logo ao descobrir o sexo do peixe, que precisa necessariamente ser o feminino, e depois qualquer problema que ocasione a morte, tendo em vista que são no mínimo sete anos para extrair o caviar.
Para consumo do caviar, usa-se colher de plástico ou porcelana, pois metal e alumínio oxidam rapidamente, influenciando no sabor. O preço da grama do caviar pode variar, mais 1 kg chega a 1000 euros, ou seja, mais de 3 mil reais.

Caviar: ovas de peixe (esturjão)

-->

Caviar: ovas de peixe (esturjão)
O caviar é um dos mais luxuosos e emblemáticos produtos do mundo, desejo constante de diversas pessoas interessadas em experimentar. Esse importante ingrediente se trata de ovas de peixe não fecundadas e salgadas, sendo as originais provenientes do esturjão, um peixe lendário que surgiu entre 50 e 200 milhões de anos. Os primeiros a comercializarem caviar no mundo foram os russos e persas, numa época que a produção do caviar ainda era selvagem, mas com o passar do tempo e alguns fatores como a poluição, a pesca predatória e a proibição da pesca do esturjão, hoje o domínio da produção é das fazendas de caviar.
A extração do caviar é complexa por só poder ser feita em peixes fêmeas, demorar cerca de 7 anos até finalizar a produção total do caviar, sendo essencial o controle da temperatura da água que deve permanecer fria, e dos vários períodos de alimentação durante o dia. Cada peixe só fornece caviar uma vez, pois ele é morto quando sofre a extração das ovas. Por ser um produto da natureza, jamais o caviar será padronizado, e por isso eles são classificados de acordo com a cor, o sabor e a textura. O seu preço? Pode chegar a mil euros o kg.

Black caviar background

Postagens populares

Minha lista de blogs

tang

Pesquisa personalizada
User-agent: Mediapartners-Google* Disallow:Abobora Doce Recheada Adimito Amendoas Bacalhoada Bolinho Caranguejo Bolinho Recheado Queijo Bolos Decorados Mecanico Calda Manjar Carne Receita Cerveja Creme De Maca Croqueta Frango Presunto Feito Cuscuz Marroquino Folhadinhos Rapidos Gelatina Abacaxi Hoteis Inquilinato Laranja Morangos Licor Ameixa Macas Glaceadas Massa Leitao Massas Yakisoba Menus Dia Namorados Microondas Pao Molho Requeijao Frango Molhos Especial Tender Muffins De Halloween Paelha Marisco Panquecas Ovos Pate De Caviar Pessego Receitas De Pimenta Limao Polpa Manga Receitas Castanhas Portuguesas Receitas Cheesecake Receitas Rapidas Natal Repolho Crespo Risotto Pato Saladas Vinaigrette Sobremesas De Copinhos Sopa Arroz Feijao Sopa Courgette Sorvetes De Damasco Souvlaki Spaghetti Receitas Tarte Espinafres Frango Tarte Fruta Natas Tomates Forno Video Racao Humana