PESQUISE AQUI








Pesquisa personalizada






29 de out de 2010

Manual para Ser Aceito na Sociedade como Uma Pessoa Normal

Manual para Ser Aceito na Sociedade como Uma Pessoa Normal


♦ Aceitar qualquer coisa que nos faça esquecer nossa verdadeira identidade e nossos sonhos e nos faça apenas trabalhar para produzir e reproduzir.

♦ Aceitar que é possível ter regras para uma guerra.

♦ Gastar anos fazendo uma universidade para depois não conseguir trabalho.

♦ Trabalhar de nove da manhã às cinco da tarde em algo que não dá o menor prazer, desde que em 30 anos a pessoa consiga aposentar-se.

♦ Aposentar-se, descobrir que já não tem mais energia para desfrutar a vida, e morrer em poucos anos, de tédio.

♦ Uso de botox.

♦ Procurar ser bem-sucedido financeiramente, ao invés de buscar a felicidade.

♦ Ridicularizar quem busca a felicidade ao invés do dinheiro, chamando-o de "pessoa sem ambição".
♦ Comparar objetos como carros, casas, roupas, e definir a vida em função destas comparações, ao invés de tentar realmente saber a verdadeira razão de estar vivo.

♦ Não conversar com estranhos.

♦ Sempre achar que os pais estão certos.

♦ Casar, ter filhos, continuar juntos mesmo que o amor tenha acabado, alegando que é para o bem da criança (que parece não estar assistindo às constantes brigas).

♦ Criticar todo mundo que tenta ser diferente.

♦ Acordar com um despertador histérico ao lado da cama.

♦ Acreditar em absolutamente tudo que está impresso.

♦ Usar um pedaço de pano colorido amarrado no pescoço, sem qualquer função aparente, mas que atende pelo pomposo nome de "gravata".

♦ Manter um sorriso nos lábios quando se está morrendo de vontade de chorar e ter piedade de todos os que demonstram seus próprios sentimentos.

♦ Achar que arte vale uma fortuna, ou que não vale absolutamente nada.

♦ Seguir a moda, mesmo que tudo pareça ridículo e desconfortável.

♦ Usar todos os meios possíveis para mostrar que, embora seja uma pessoa normal, está infinitamente acima dos outros seres humanos.

♦ Quando entrar no elevador, manter o corpo voltado para a porta de saída, e fingir que é a única pessoa lá dentro, por mais lotado que esteja.

♦ Jamais rir alto em um restaurante, por melhor que seja a história.

♦ No Hemisfério Sul, encher a árvore de Natal de algodão, mesmo que o inverno nada tenha a ver com o nascimento de Cristo.
♦ À medida que for ficando mais velho, achar-se dono de toda sabedoria do mundo, embora nem sempre tenha vivido o suficiente para saber o que está errado.

♦ Ir à um chá de caridade e achar que com isso já colaborou o suficiente para acabar desigualdades sociais do mundo.

♦ Acreditar que os outros sempre são melhores em tudo: são mais bonitos, mais capazes, mais ricos, mais inteligentes. É muito arriscado aventurar-se além dos próprios limites, melhor não fazer nada.

♦ Usar o carro como uma maneira de sentir-se poderoso e dominar o mundo.

♦ Dizer impropérios no trânsito.

♦ Achar que tudo que seu filho faz de errado é culpa das companhias que ele escolheu.

♦ Casar-se com a primeira pessoa que lhe oferecer uma posição social. O amor pode esperar.

♦ Dizer sempre "eu tentei" , mesmo que não tenha tentado absolutamente nada.

♦ Evitar a depressão com doses diárias e maciças de programas de tv.

♦ Acreditar que é possível estar seguro de tudo o que conquistou.

♦ Achar que mulheres não gostam de futebol e homens não gostam de decoração.

♦ Culpar o governo por tudo de ruim que acontece.

♦ Estar convencido de que ser uma pessoa boa, decente, respeitosa, significa que os outros vão pensar que é fraco, vulnerável e facilmente manipulável.

♦ Estar igualmente convencido de que a agressividade e a descortesia no trato com os outros são sinônimos de uma personalidade poderosa.

Mitos comuns que podem te matar

Mitos comuns que podem te matar

1.Mito: Se perdido em um deserto, pode tirar água de um cacto.

Realidade: As chances é que não vai ser possível tirar mais do que algumas gotas, e serão amargas e pode levar a cólicas e vômito.

2.Mito: Se atacado por um tubarão, dê um soco no nariz (do peixe).

Realidade: Você tem mais chances de machucar a sua mão do que o tubarão. Ao invés disso, ataque-o ferozmente nos olhos e nas brânquias com algo pontudo ou cortante, de preferência.

3.Mito: Durante um terremoto, o lugar mais seguro é o batente da porta.

Mito alternativo: Durante um terremoto crie um “triângulo da vida” se encolhendo ao lado de um objeto grande que irá comprimir levemente, deixando um espaço vazio sobre você e os escombros.

Realidade: Ficar no batente da porta poderia ser a melhor solução em construções antigas, onde o batente de madeira, era o ponto mais forte da casa. Mas nos apartamentos modernos, esta parte da porta é a mais fraca do lugar. O “triângulo da vida” só é aplicável em casas com o telhado plano que caem diretamente.

4.Mito: Se uma bomba disparar, ligue para o 190.

Realidade: Evite usar telefone ou celular num raio de 400m de um possível ataque com bomba, pois isto pode acionar um dispositivo secundário.

5.Mito: Se mordido por uma cobra venenosa, chupe o veneno para fora, ou, corte um X sobre a mordida, para deixar o veneno sair.

Realidade: Você não vai poder chupar ou cortar o ferimento rápido o bastante para evitar que o veneno se espalhe. Além disso, colocar o veneno na boca, só irá criar um novo caminho de entrada para o veneno caso você tenha uma afta ou gengivite. O ideal é manter o local abaixo do nível do coração e procurar o serviço de emergência.

6.Mito: Em um incêndio elétrico, desplugue o aparelho imediatamente.

Realidade: Tocar o aparelho pode te levar a ser eletrocutado. Deve-se desligar o disjuntor de energia, antes de ligar para a emergência.
7.Mito: Guarde um galão de água por pessoa por dia suficiente para três ou sete dias na garagem ou porão.

Realidade: Isso é um fato. No entanto, muitas pessoas guardam a água em um ambiente com chão de concreto. Deixar os galões de plástico em contato com o concreto durante muito tempo pode gerar uma reação química que contamina a água.

8.Mito: Se esfaqueado ou empalado por algo, remova o objeto imediatamente.

Realidade: Deixe o objeto, ligue para a polícia e evite que o objeto se mova, o máximo possível. A não ser que o objeto esteja bloqueando as vias respiratórias.

9.Mito: Para sobreviver no tempo frio, é possível comer neve ou gelo.

Realidade: Comer grande quantidade de neve vai baixar a temperatura corporal, vai gastar energia e pode estar contaminada. Além de poder congelar o esôfago e o estômago. Uma solução seria derreter a neve, ferver, esperar esfriar e então beber.

10.Mito: Orar não ajuda.

Realidade: Um estudo com sobreviventes mostrou que um traço que possuem em comum é a oração, mesmo que não acreditem em Deus. A oração ajuda a organizar os pensamentos e manter a mente focada.

22 de out de 2010

Como fazer o arroz:

Esta receita  se encaixa para uma família com 3 pessoas, se você quiser aumentar ou diminuir, tome por base a xicara Se você quiser aumentar para mais uma pessoa por exemplo, coloque mais uns 30% de uma xicara junto. As medidas tem base em uma xicara de 200ml.
Como fazer o arroz:
Coloque para ferver em uma panela ás 6 xicaras de água.
Descasque e pique a cebola e o alho.
Em uma panela separada e pré aquecida, coloque para dourar a cebola e o alho que você picou, doure primeiro o alho, posteriormente a cebola.
Refogue o arroz na cebola e no alho, depois coloque a água que já deve estar fervendo.
Mecha, até que o arroz desgrude do fundo da panela, e diminua o fogo e coloque o sal na quantidade que deseja.
Com o fogo baixo, deixe toda água evaporar, até que você não a veja mais na superfície, quando isto acontecer está na hora de desligar o fogo e tampar a panela.
Não abra a tampa nos próximos 15 minutos, pois este é o tempo necessário para que o calor existente ali termine de cozinhar o arroz.
Feito todo estes passos seu arroz está Pronto para ir a mesa.

Dúvidas referente ao arroz:

É preciso lavar o arroz ?
Não há necessidade em lavar o arroz, embora maioria das pessoas faça isto. Foi comprovado que nesta lavagem perde-se nutrientes como proteínas, vitamina B e potássio.
Ainda restam dúvidas sobre como fazer arroz? Escreva-nos um recado

Dicas para conviver bem com as pessoas

Atualmente, vivemos em um contexto permeado pela competitividade, agressividade e impaciência por parte dos seres humanos. Causas mínimas podem se tornar motivos de separação entre casais, amigos, sócios etc. Isso acontece porque lidar com pessoas é uma das coisas mais difíceis que existe. Pra que viver brigando quando se pode alcançar os objetivos vivendo em paz?

É possível competir e galgar bons lugares na vida sem ofender e passar por cima de ninguém. Como exemplo, posso até citar um grande empresário do Piauí: João Claudino. Alguém questiona seus atos? Alguém quer saber que meios ele utilizou para chegar aonde está? Não. Isso tudo acontece porque ele conseguiu conquistar a simpatia de seus funcionários e da sociedade em geral e hoje é visto como um homem preocupado com as causas sociais e com o bem-estar de seus funcionários. Até fazer um filho senador ele conseguiu, mas ninguém se pergunta como e para quê isso foi feito. "O sucesso santifica os meios".
Não quero e nem tenho competência (ainda, rsrsrs) para ensinar como ser um João Claudino da vida. Quero apenas dizer que é possível alcançar nossos objetivos conquistando a simpatia das pessoas.

Conviver com as diferenças

Cada qual tem uma cabeça, suas idéias, sua cultura, sua história. Ninguém é igual a ninguém. Até mesmo entre grandes amigos, podem acontecer atritos devido à divergência entre as idéias. É por isso que hoje decidi dar umas dicas de como conviver bem com as pessoas (para aqueles que consideram isso importante e para aqueles que não estão nem aí - estes, podem deixar suas críticas).

Para realizar tal tarefa, recorro à minha própria experiência de atendimento ao público durante mais de três anos em que convivi com diversos tipos de pessoas - tanto colegas de trabalho, como clientes. Também recorrerei a um pequeno manual, "Superdicas para falar bem em conversas e apresentações", do escritor Reinaldo Polito, nos itens em que julgar cabíveis à minha proposta.

Então, vamos lá:

1- Saiba escutar. Mesmo que você ache errado o que a outra pessoa diz, escute-a. Deixe-o falar, falar, falar, até cansar. Ouvindo o que o outro tem a dizer pode ser uma forma de ganhar a simpatia e ter a oportunidade de também ser ouvido. Ao ouvir o que você tem a dizer, o outro pode até mesmo mudar de opinião e ir para o seu lado.

2- Tenha paciência. Existem pessoas que realmente são chatas e rudes. É com essas pessoas que devemos investir muitas doses de paciência. Não as responda, ouça-as. Geralmente, são pessoas inseguras e que sentem a necessidade de imporem suas opiniões. Quando perceberem que você não está ali para "brigar", podem até se tornar pessoas legais para você.

3- Não arme barraco. Existem pessoas que fazem confusão por qualquer besteira e discutem essas besteiras como se estivessem defendendo sua própria vida. Nesses casos, avalie se é realmente importante tentar convencer o outro do seu ponto de vista. Se não for, melhor é ficar calado. Às vezes é a melhor alternativa.

4- Seja gentil. Isso pode ser possível através de pequenos atos: no tom amável da voz, na generosidade das palavras, na honestidade dos princípios e da ética. Não custa nada ceder um lugar no ônibus a pessoas mais velhas; não custa nada segurar a porta do elevador quando se percebe que alguém quer entrar e ainda está longe da porta; não custa nada dar um bom dia, mesmo a quem não se conhece. São pequenas atitudes que conquistam as pessoas.

5- Seja natural. Respeite seu jeito de ser, não "force a barra" para conquistar as pessoas. Elas perceberão que você não está sendo sincero. Raramente ou quase nunca se consegue fazer um amigo da noite pro dia. Amizade vem com o tempo. Por isso, nada de "forçar amizade", de se intrometer demais, de querer ter muita intimidade com quem não se conhece bem.

Em resumo: acredito que o poder de convencimento e da boa convivência está, principalmente, na simpatia, na humildade, na sinceridade e na coerência que transmitimos em nossos atos. Conquistando e convivendo bem com as pessoas, é mais fácil conseguir aquilo que queremos. 
http://algumasleituras.blogspot.com/2008/01/dicas-para-conviver-bem-com-as-pessoas.html

dicas para fazer amigos

PARA VC TER AMOIGOS AKI SEGUE ALGUNS TRUQUES
TER PERSONALIDADE

Quanto melhor forem as suas qualidades sociais, mais fácil será para arranjar amigos, mas todos nós conhecemos pessoas que têm personalidades estranhas ou mesmo irritantes e mesmo essas pessoas têm uma rede de amigos, por isso todos conseguem aprender como fazer amigos.
APRENDER COMO FAZER AMIGOS

A maioria das pessoas faz isto instintivamente e nunca se preocupou em aprender, porque na realidade nunca foi um problema. Mas se analisarmos os comportamentos, conseguimos chegar a algumas conclusões sobre a forma correcta de fazer amizades.
CORAGEM PARA CONVIDAR OS AMIGOS

É preciso arranjar alguma coragem para fazer convites a pessoas com quem gostaria de fazer amizade. Não é muito complicado e na maioria das vezes a resposta será positiva, porque todas as pessoas gostam de ser convidadas nem que seja apenas para beber café.
GOSTAR DAS OUTRAS PESSOAS

Se for do tipo que apenas fala mal de outras pessoas e arranja sempre qualquer coisa negativa sobre toda a gente, conseguirá sempre encontrar desculpas para não fazer amigos, porque toda a gente tem pontos negativos.
TER UMA VIDA SOCIAL MESMO QUE SOZINHO

Se tiver apenas um amigo, ou mesmo que seja sozinho, vá a eventos sociais, como concertos, teatro, bares e desportos. Sítios onde existam outras pessoas com quem pode vir a falar e, ainda melhor, sítios que tenham actividades em grupo, como praticar desporto ou frequentar um curso. Estará com pessoas que têm os mesmos gostos que você tem, o que facilita o início de conversas sobre os assuntos que têm em comum.

Se frequentar estes eventos, terá sempre histórias para contar, o que fará de si uma pessoa mais interessante. Além disso, o facto de estar em sítios rodeado por outras pessoas aumenta o seu sentimento de estar a ter uma vida social.
COMO MELHORAR A SUA VIDA SOCIAL
Pegue nas pessoas que já fazem parte da sua vida, mas ainda não são seus amigos, como por exemplo colegas da escola ou colegas do emprego, que frequentam o mesmo espaço mas com os quais não tem ainda relações de amizade.

Procure passar mais tempo com estas pessoas, para que elas o conheçam melhor e vice-versa. Se apenas está cinco minutos por dia com uma determinada pessoa, não pode esperar grandes amizades em pouco tempo. É fisicamente impossível, por isso tem de arranjar forma de estar mais tempo junto dessa pessoa. Se ela for ao café, vá também. Se frequentar certos sítios, apareça por lá também. Certifique-se que o faz de forma natural e não perseguindo ou fazendo-se convidado sem o ser, porque senão passa a ser daquelas pessoas que ninguém gosta…
COMO FAZER AMIGOS CONHECENDO NOVAS PESSOAS

Outra forma de fazer amigos é conhecer pessoas que são desconhecidos para si e para isso deve usar outra estratégia.

Não ter acesso a potenciais amigos é uma grande barreira para este processo, por isso é necessário ir a sítios e conhecer formas de fazer novos amigos.

Algumas formas de o fazer são:

* Tornar-se amigo de uma ou duas pessoas que têm redes sociais muito grandes. Aquelas pessoas que conhecem meio mundo.
* Juntar-se a associações e fazer actividades de grupo que gostasse de fazer, mesmo que não fosse para fazer amigos.
* Estar em locais com muita gente e começar a conhecer novas pessoas diariamente. Os locais mais frequentes são a escola e o emprego.

ACEITAR TODOS OS CONVITES

Se alguém o convidar para o que quer que seja, não recuse porque será uma oportunidade de passar mais tempo com essa pessoa e com outras pessoas que poderão ser seus amigos no futuro. Não desperdice essa oportunidade, a menos que tenha fortes motivos e não queira mesmo participar.

Por vezes até pode ser aborrecido e ser um sacrifício, mas também pode revelar-se uma óptima oportunidade para conhecer algumas pessoas que mais tarde poderão vir a ser seus amigos. Faça o sacrifício de aparecer em todas as situações sociais em que seja convidado.
COMO FAZER AMIGO FAZENDO CONVITE

Convide as pessoas de quem gostaria de ser amigo para fazer qualquer coisa. Telefone ou envie um e-mail a fazer o convite.

Este passo é um dos mais importantes, porque pode estar em muitos sítios (o que é bom), ir a convites de pessoas (também é bom), mas se não fizer nada para transformar essas pessoas em amigos, então será apenas um conhecido da escola ou do emprego, com que fala ocasionalmente.

Quando começar a fazer os primeiros amigos, o processo torna-se mais simples e natural, mas das primeiras vezes terá de fazer um esforço consciente para conseguir fazer algumas acções que o levam a forçar o contacto com novas pessoas e a dar o passo seguinte nesse relacionamento.

Os frutos de ter bons amigos e uma rede de contactos social alargada compensam alguns sacrifícios que terá de fazer neste percurso de aprender como fazer amigos.

21 de out de 2010

teste de gradivez caseiro antigos

Teste de Gravidez Caseiro

O teste de gravidez caseiro não possui 100% de eficácia, esses testes medem a quantidade de um hormônio chamado luteinizante na urina, é apenas um teste qualitativo, medindo a quantidade de hormônio, porém não garante se a mulher está realmente grávida. A melhor forma para saber se está grávida, é fazer um teste de sangue, então procure um médico e realize o exame de grávidez

alguns teste caseiro antigos

Teste marroquino
Colocar o xixi antes de ir dormir num recipinte que de para fechar (tipo os testes de urina) colocar uma agulha dentro, deixar fechado no minimo 8h se mudar de cor esta grávida


Outro:
Urine em um copo descartável e depois adicione um pouco de cloro, se a mistura ficar da mesma cor não está gravida, mas se ficar escura, está grávida.

"Se tiver um atraso de 1 dia, cá está um teste marroquino que antigamente faziam antes de existirem os testes da farmácia e de sangue, então cá vai:
Numa caixa de plástico (pode ser aquela das analises de urina ou outra qualquer) por a urina da noite antes de se ir deitar, juntar lá dentro uma agulha nova de metal, fechar bem a caixa e deixar actuar 8 horas no mínimo. No dia seguinte ao abrir a caixa, se a agulha não mudou de cor não está grávida, se a agulha ficou preta(Tem de ficar preta, se so mudar ligeiramente a cor nao e positivo), espere mais 3 dias e faça o teste e terá um belo e grande positivo. Dizem que este teste é muito fiável e quase todas as mulheres marroquinas o fazem." 
1. Teste da cândida: em um recipiente você coloca um pouco de urina e logo depois coloca uma quantidade um pouco menor de cândida. Resultado: POSITIVO: se mudar de cor (laranja, avermelhado). NEGATIVO: a cor não muda, permanece a mesma.

2.Teste de ferver a urina: você ferve a urina em um recipiente de alumínio (um recipiente que não vá mais usar, de preferência). Resultado: Positivo: se ela ferver igual a leite (subir e formar aquela nata). NEGATIVO: se ferver igual a água, sem subir, só fica borbulando.

3.Teste do cotonete: você introduz o cotonete na vagina perto do colo do útero, se sair branquinho é sinal que a menstruação não está para vir, se sair rosinha ou vermelhinho sinal que ela já está chegando.

4. Teste marroquino: colocar o xixi antes de ir dormir num recipiente que de para fechar (tipo os testes de urina) colocar uma agulha dentro, deixar fechado no mínimo 8h. RESULTADO: POSITIVO: se mudar de cor. NEGATIVO: não muda de cor.

5. Teste do cloro: urine em um copo descartável e depois adicione um pouco de cloro. Resultado: POSITIVO: cor escura. NEGATIVO: fica a mesma cor.

Sintomas da Gravidez

Após a mulher engravidar, o corpo inicia várias transformações que facilitam a interação entre a mãe do bebê e o metabolismo. Existe alguns sintomas da gravidez, os sintomas podem variar de mulher para mulher. Confira uma lista com alguns sintomas da gravidez.

De todos os sintomas que ocorrem quando estamos grávidas, o que mais indica é a ausência de menstruação, um outro sintoma muito importante é o escurecimento das mamas.

Sintomas na Gravidez

- Ausência da menstruação;
- Sensibilidade e inhaço nas mamas;
- Fadiga;
- Enjoos e Vômitos;
- Sangramento;
- Hipergimentação das aréolas;
- Necessidade excessiva de urinar;
- Dificuldades para respirar;
- Aceleramento dos batimentos cardíacos;
- Azia;

Sintomas da Gravidez - Primeira Semana

Na primeira semana, os sintomas que ocorrem são: seios inchados e doloridos, cansaço, escurecimento dos mamilos.

Como saber se estou grávida

Se você acha que está grávida, você deve realizar um teste de gravidez de farmácia, caso a dúvida continue, consulte um médico. 

Vídeo - Gravidez

Como saber se estou grávida??


  É possível saber se está grávida, se baseando em algumas observações de sintomas típicos da gravidez.

A primeira dúvida que nos vem à cabeça é : "Como eu sei que estou grávida" e "Com quantos dias eu posso saber que estou grávida".E serão exatamente essas as questões que abordaremos neste texto.

Os primeiros sintomas de gravidez, a serem sentidos de fato,varia de mulher para mulher, e só serão percebidos, após duas semanas de atraso menstrual, caso tenha ocorrido a concepção.

Testes de gravidez caseiros  também são eficazes e podem ser encontrados à venda nas farmácias.Para uso, basta seguir as instruções da embalagem.

Acompanhe algumas dicas de observação de sintomas de gravidez:

Como posso saber que estou grávida?
Você poderá saber se está grávida, se baseando nos seguintes sintomas:
- Seios doloridos
- Barriga levemente endurecida
- Tontura
- Fraqueza
- Muco genital de cor leitosa, e sem elasticidade.
- Grandes lábios genitais na cor vermelho vinho
- Aumento de apetite
- Enjôo de certos tipos de comida
- Manchas de sangue, ao invés da menstruação normal de cinco dias
- Algumas mulheres desenvolvem sintomas como, febre seguida de enjôo e cólicas abdominais.

Disso tudo só se tira a conclusão,após o fato de não ter ocorrido a menstruação mensal.

Uma exploração ginecológica interna e externa, indica o útero mole, e os genitais escuros, na cor vinho.

A maioria desses tipos de sintomas , ocorrem devido à uma recusa natural do organismo da mulher contra o embrião que começa a se formar.

O muco se apresentará infértil, por não haver ovulação.

O óvulo só caminha pelas trompas de falópio através do muco elástico e transparente, que revela a fertilidade, portanto se há gravidez, não há
fertilidade.

O muco nesta fase aumenta bastante, algumas mulheres que são geralmente secas nos períodos inférteis, podem apresentar corrimento na gravidez, excesso de umidade que serve como proteção do útero, contra bactérias e fungos.

Métodos farmacêuticos são válidos, para se diagnosticar a gravidez, mas o mais recomendável, é o exame de sangue ou HCG.

Fonte: Sobre Vida vol.III/Livro acadêmico de medicina.

dicas para engravidar

Se o seu relógio biológico anda a dar horas e você quer mesmo engravidar o quanto antes, siga estas 10 dicas: 

1 – (dica removida)

2 – Use um kit de previsão de ovulação 
Usar um kit de previsão de ovulação para saber com antecedência quando estará a ovular, aumentará as suas possibilidades de engravidar. Para muitas mulheres, gráficos ou outros métodos de previsão da ovulação são muito confusos. Kits de previsão de ovulação funcionam lendo o nível de hormonas na mulher. Eles são relativamente fáceis de usar e geralmente são precisos para a previsão de ovulação. 


3 – Pratique sexo antes da ovulação (não depois) 
Às vezes os casais ficam confusos acerca da melhor altura para engravidar no que diz respeito à ovulação. Você tem um curto espaço de tempo a cada mês para engravidar. Depois da mulher ovular, o óvulo irá sobreviver aproximadamente durante 24h. O esperma, por outro lado, sobreviverá de 3 a 5 dias. È por isso que praticar sexo dois ou três dias antes da ovulação irá aumentar as suas hipóteses de engravidar. Não espere até ao dia da ovulação para ter sexo! O esperma do seu parceiro irá durar mais tempo que o seu óvulo e você não quer perder esta oportunidade esperando. 


4 – Não use apenas o método do calendário para prever a ovulação 
Muitos casais acreditam que a altura certa de praticar sexo de forma a engravidar, é por volta do dia 14 do ciclo menstrual. Esta ideia é baseada no método do calendário que assume que todas as mulheres têm um ciclo de 28 dias e que a ovulação ocorre a meio do ciclo. 
Embora seja melhor do que escolher um dia ao acaso, não é o método mais correcto de prever a data da ovulação. Em muitas mulheres a ovulação não ocorre no dia 14, e saber exactamente a data da ovulação é muito importante para determinar o dia da relação sexual. Kits de previsão de ovulação, vigiar a temperatura do seu corpo, e estar atenta a sinais de ovulação, ajudar-lhe-á a determinar a sua ovulação. 


5 – Se quer engravidar depressa não recorra apenas ao uso de um “quadro de fertilidade” 
Um quadro de fertilidade é o método em que anota todos os seus sinais de fertilidade. É óptimo para ir tomando nota das alterações ao longo do ciclo menstrual ou perceber se a ovulação ocorre sempre na mesma data, mas tem algumas desvantagens. Quando se aperceber que chegou a altura da ovulação, na prática já terá passado a altura da relação sexual. Se este for o primeiro ciclo em que tenta engravidar ou se a ovulação não lhe acontece todos os meses na mesma data, o uso de um kit de previsão de ovulação será o mais adequado. 


6 – Antes de tentar engravidar visite o seu médico 
Confirme se está num bom estado de saúde e se até á data fez sempre alguns "check-up" para vigiar a sua saúde. Infecções mal tratadas, doenças sexualmente transmissíveis, ou um estado de saúde não muito bom, podem afectar as suas hipóteses de engravidar. É importante visitar um médico, assim como tomar vitaminas pré-natal para ajudar na concepção. 


7 – Enquanto tenta engravidar, não fume, não beba bebidas alcoólicas, não use drogas 
Isto pode parecer senso comum, mas há muitas mulheres que tentam engravidar e ainda assim continuam a fumar, beber e a usar drogas. Estas três coisas podem afectar a sua fertilidade assim como a saúde do bebé. É importante largar estes hábitos antes de engravidar e não só quando souber que está grávida. 


8 –  (dica removida)


9 – Pratique sexo em posições que permitam que o esperma se mantenha mais tempo dentro da mulher 
A posição de missionário é a ideal quando está a tentar engravidar. Evitem posições em que a mulher está em cima. A gravidade irá fazer com que o esperma não se mantenha dentro da mulher. Experimente usar também uma almofada debaixo das ancas de forma a manter a sua pélvis numa posição em que o esperma é mais facilmente “retido”. Não se levante logo depois de terminar a relação sexual. Tente relaxar e permita que os espermatozoides fiquem dentro da vagina o máximo de tempo possível. 


10 – As tentativas nunca são demais! 
A maioria dos casais engravida depois de um ano de tentativas. Se você anda a tentar há um ano e ainda não conseguiu, consulte o seu médico. 
Não desista!

remédio para a calvice

Finasterida é um remédio muito usado no tratamento e que da bons resultados para a calvice ou a alopécia androgenética, outro tratamento é com o Minoxidil.
Saiba o que é finasterida e como agene no tratamento da queda de cabelo, veja bula desde remédio.
Ciclo de crescimento do cabelo:
de 2 a 4 anos é o período de crecimento de um fio de cabelo
de 2 a 4 meses fica sem crescer e depois cai
Depois nasce outro e repete o ciclo acima, isso aleatoriamente, cada fio de cabelo nasce em dias diferentes, por isso que sempre, todos os dias é notado a queda de cabelos, sendo estimado a perda de 100 fios diários.
Existem no couro cabeludo aproximadamente 100 mil folículos pilosos.
Quando a pessoa tem algum problema de saúde capilar ou até hereditário, em determinado momento os cabelos caem e não nascem outros, assim começam aparecer falta de cabelo e com o tempo algumas áreas ficam completamente devastadas ou carecas.

como fazer o cabelo creçer mais rapido

Dicas para fazer seu cabelo crescer mais rápido


Se o seu cabelo parou de crescer ou está devagar quase parando, alguma coisa pode estar acontecendo com ele. Para você fazer parte da turma da Rapunzel, confira algumas dicas.



O cabelão batendo na cintura nunca sai de moda, por mais que os curtinhos fiquem um arraso. E tem mais: a maioria dos homens também curte uma cabeleira. Mas nem todo mundo consegue ter cabelos longos. Segundo Geová Gouveia, diretor do Phortal do Cabelo (SP) inúmeros fatores podem contribuir para que a média normal de crescimento dos fios, um centímetro por mês, estacione.

"O problema está ligado normalmente a três fatores: descontrole da glândula sebácea, alterações metabólicas e problemas de circulação sangüínea", explica o especialista. A terapeuta capilar Sheilla Bellotti, do Centro Capilar Sheilla Bellotti (RJ) vai mais além: "O cabelo cresce a partir do bulbo capilar, chamado de couro cabeludo. Qualquer agente externo que prejudique sua saúde também impede o crescimento".

1 - Visite já um especialista
Um centímetro ao mês pode parecer muito pouco para suas madeixas, mas não é! Bastam elas pararem de crescer que você logo identifica. Caso isto aconteça, é imprescindível que procure ajuda de um terapeuta capilar ou um tricologista, especialistas em fios. "Fazemos uma análise do couro cabeludo; verificamos hábitos cotidianos, além da genética, hereditariedade e histórico de saúde", explica o especialista do Phortal do Cabelo. Muitas vezes a questão transcende o terapeuta. "O cabelo pode não crescer por distúrbios hormonais. Neste caso, fazemos o tratamento em conjunto com um médico", explica.

Uma vez detectado o problema, os experts em estudo dos fios dispõem de várias substâncias para agilizar o crescimento. Boa parte delas é composta de estimulantes da circulação local, através de produtos vasodilatadores, massagens e equipamento de estimulação, como as máquinas a laser ou o infravermelho. "Estes recursos são utilizados depois que foi tratado algum possível problema de saúde", avisa. Mas corra: quanto antes for detectado o problema, mais fácil será para curá-lo.

2 - Ative sua circulação sangüínea
A má circulação sangüínea é o principal fator que impede o crescimento dos fios. Por isso, trate de dar sangue à sua cabeça! A medula capilar é como se fosse uma espécie de estradinha que leva todas as vitaminas, aminoácidos e minerais - responsáveis pelo crescimento - para o córtex (fio capilar). Ativando a circulação sangüínea e, conseqüentemente, o couro cabeludo, você garantirá que o fio receba todos os nutrientes necessários.BR>
Uma ótima dica para ativar diariamente a circulação sangüínea é massagear o couro cabeludo na hora da lavagem durante alguns minutos. Outra boa opção é virar a cabeça para baixo e passar a escova ou os dedos. Esta posição faz com que o sangue flua com mais facilidade. E não esqueça de beber muita água e da atividade física. O exercício físico faz com que o coração bombeie sangue mais rápido. Resultado: os aminoácidos, vitaminas e nutrientes chegam mais facilmente ao cabelo. Mas fique atenta, pois se você tiver obstrução de alguma veia, ela deverá ser tratada, ou nenhuma destas dicas valerá.

3 - Minimize seus vícios
Se você tem um couro cabeludo sadio, nada interferirá no crescimento do seu cabelo. Além de tomar muito cuidado com o seu organismo, é imprescindível abolir alguns hábitos que podem comprometer a saúde dos seus fios.

- Pare de fumar - a nicotina é uma poderosa vasoconstritora, reduzindo a circulação dos vasos capilares do couro cabeludo, que carregam nutrientes ao fio.

- Não tome banho com água quente - a água pelando estimula a produção das glândulas sebáceas.

- Evite dormir com os cabelos molhados - isso abafa o couro cabeludo, aumentando a oleosidade.

- Retire os excessos de produtos - o ideal é passar o xampu, retirar bem e, depois, aplicar o condicionador apenas no comprimento. Os finalizadores que ficam no cabelo devem passar longe da raiz.

4 - Vitamine-se por dentro e por fora
Sabe aquela velha história de que quem tem uma alimentação saudável tem cabelos mais bonitos? Ela é a pura verdade! E tem mais: uma dieta rica também ajuda no crescimento. Quanto mais vitaminas - por dentro e por fora - melhor. "O organismo absorve muitos nutrientes para os órgãos funcionarem. Como os cabelos são regiões mais periféricas e menos importantes, o que sobra vai para o cabelo", explica Geová Gouveia.

Cuide da sua saúde e capriche na alimentação, sempre rica em vitaminas. Você também deve utilizar produtos tópicos - por exemplo, os à base de Jaborandi, Ginkgo Biloba, Cafeína e Uréia, que são estimulantes sangüíneos. Cremes com alecrim ajudam a controlar a oleosidade e o princípio ativo Capscum (geralmente encontrado na pimenta) é um ativo vasodilatador que melhora a circulação sangüínea. "Não adianta lavar a cabeça com café ou tomá-lo para atingir o mesmo objetivo. A cafeína que vem do café solúvel não é uma substância otimizada para o cabelo", alerta Sheilla Bellotti.

5 - Deixe seu couro cabeludo respirar
A oleosidade do couro cabeludo é um veneno - cria fungos que acabam com as madeixas e impede o fio de crescer. O excesso de oleosidade age como se fosse uma camada protetora, impedindo os aminoácidos de chegarem à raiz do cabelo. "Abafando o couro cabeludo, você também favorece o surgimento de um fungo, chamado de pityrosporum ovale que descamará o tecido do couro cabeludo, impedindo que o fio capilar saia. Ocorre uma espécie de entupimento dos poros", explica a terapeuta capilar Sheilla Bellotti. Então, fique longe de tudo que aqueça seu couro cabeludo ou abafe-o.
http://beleza.terra.com.br/mulher/interna/0,,OI1620476-EI7615,00.html

20 de out de 2010

sono e insonia

Quando o colchão não é o vilão

Porque Tive Uma Noite de Sono Mal Dormida
O vilão de uma noite mal dormida, nem sempre é o Colchão.
Muitas vezes acordamos com dores, principalmente nas costas.
Muitos são os motivos que podem ocasionar tais problemas, dentre eles, a má postura, o sedentarismo e até mesmo o estresse diário, bem como outros problemas de saúde.
Se o seu colchão estiver em bom estado, com suporte adequado mantendo sua coluna na posição correta, se o grau de conforto estiver dentro de suas preferências e mesmo assim, você ainda sente dores no corpo ao dormir, é importante procurar e se consultar com um médico especialista.
Existem vários distúrbios do sono e problemas de lombalgia que podem afetar o seu descanso e sua qualidade de vida.
Existem tratamentos médicos adequados, associados a medicamentos, fisioterapia e às vezes até cirurgia que podem ajudá-lo. O qual não está associado ao colchão a cura de qualquer problema de saúde. E um consultor de vendas de colchão não seria a pessoa indicada a fazer indicações ligadas a problemas de saúde. È imprescindível e importante procurar e se consultar com um médico especialista.

Dez Mandamentos Para Dormir Bem

Siga as dicas e tenha ótimos sonhos todos os dias
O sono tem funções que vão muito além do relaxamento muscular. É o descanso do cérebro e o momento no qual ele avalia e aprende melhor, acumula experiências e prepara você para o novo dia. No entanto, dormir mal dificulta ou até mesmo impede que essas e outras funções sejam cumpridas.
E mais: muitas dessas dificuldades estão relacionadas a atividades e hábitos que temos logo antes de dormir. Pensando neles, preparamos dez conselhos para uma boa noite de sono. Relaxe e aproveite.
1.- Tenha um horário regular para acordar/dormir: levante sempre na mesma hora, não importando a hora que tenha ido deitar-se. Sair da rotina um dia gera problemas de adaptação nos próximos dois dias.
2 - .Faça exercícios regularmente: procure uma atividade que você goste e comece a praticá-la por até 30 minutos na frequência de três vezes por semana. Se você tem problemas de dormir a noite, o melhor horário para essa atividade é ao final da tarde.
3.- Evite estímulo próximo da hora de dormir: nada de café, chá, chocolate e refrigerantes e outras substâncias que contenham estimulante.
4 - .Não fume e beba com moderação: a nicotina é ainda mais estimulante e o álcool apesar da fama de "sonífero", altera seu ciclo natural de sono.
5.- Busque qualidade e não quantidade: seis horas de sono profundo podem fazer com que você sinta-se melhor do que oito horas de sono leve e interrompido. Procure dormir o suficiente, nem mais nem menos.
6.- Deixe suas preocupações e planos para outro momento: parece difícil, e nos tempos de hoje pode ser mesmo, mas uma dica legal é anotar as obrigações para o próximo dia num bloquinho ao lado da cama. Assim, você limpa os problemas da cabeça e se prepara para uma boa noite de sono.
7 - .Não coma em excesso antes de dormir: do contrário estará obrigando seu sistema digestivo a trabalhar demais. E se estiver fazendo dieta coma alguma coisa antes de deitar-se. Não se pode ir para a cama brigando com o estômago.
8.- Desenvolva um ritual de sono: sabe criança que só dorme depois de ouvir sua história preferida? Faça o mesmo: um livro, uma música suave, uma massagem. Tudo ajuda. Importante: uma vez escolhido, o ritual deve ser repetido sempre.
9.- Ambiente agradável: um ambiente agradável é fundamental. Deixe o quarto bem escuro, evite lugares barulhentos e, se possível, regule a temperatura. É fundamental um bom colchão, assim como bons travesseiros e roupas de cama limpas.

10.- Relaxamento muscular: para finalizar tome um banho quente, faça uma sauna, alongamentos e massagens relaxantes. É perfeito para sintonizar com o clima de repouso.

Passamos cerca de um terço de nossa vida dormindo. Dormir bem é essencial não apenas para ficar acordado no dia seguinte, mas para manter-se saudável, melhorar a qualidade de vida e até aumentar a longevidade.

Os médicos sabem que o processo do sono é regido por um relógio biológico ajustado num ciclo de 24 horas. Os ponteiros desse mecanismo são moldados geneticamente e sua sincronia depende de fatores externos, como iluminação, ruídos, odores, hábitos, tipos de colchões, vida social etc.

Os especialistas acreditam que a principal peça dessa engrenagem é a melatonina - hormônio produzido no cérebro pela glândula pineal. Ele começa a ser secretado assim que o Sol se põe, como um aviso para o organismo se preparar para “dormir”.
 Quando o processo tem início, a temperatura cai de 1 a 2o C e a pressão arterial também sofre uma leve queda. Daí ao primeiro cochilo é um piscar de olhos.
 Em 1953, descobriu-se a existência de uma fase de sono profundo, justamente quando sonhamos. A novidade foi batizada de REM (Rapid Eyes Moviment - Movimento Rápido dos Olhos). Hoje os cientistas já sabem que o sono se divide em cinco fases, repetidas em ciclos, durante a noite.

Nosso desempenho físico e mental está diretamente ligado a uma boa noite de sono. O efeito de uma madrugada em claro é semelhante ao de uma embriaguez leve: a coordenação motora é prejudicada e a capacidade de raciocínio fica comprometida. Ou seja: sem o merecido descanso, o organismo deixa de cumprir uma série de tarefas importantíssimas.

Em estudo realizado pela Universidade de Chicago - EUA, onze pessoas com idades entre 18 e 27 anos foram impedidas de dormir mais de quatro horas durante seis dias. O efeito foi assustador. No final do período, o funcionamento do organismo delas era comparável ao de uma pessoa de mais de 60 anos. E os níveis de insulina eram semelhantes aos dos portadores de diabetes.

Em pesquisas de laboratório, ratos usados como cobaias não agüentaram mais de dez dias sem dormir. A conseqüência: morte por infecção generalizada.

Enquanto ficamos na cama, uma espécie de exército de reconstrução atua recuperando as “baixas” acumuladas no período que ficamos acordados. Isso prepara o corpo para a guerra do dia seguinte.

Durante o sono profundo, as proteínas são sintetizadas em grande escala. Isso tem o objetivo de manter ou expandir as redes de neurônios ligados à memória e ao do crescimento. Este garante ao indivíduo longevidade com maior jovialidade. Também regula os níveis de outras substâncias responsáveis pela regeneração de células e cicatrização da pele.

aprendizado. Nesse processo, o cérebro comanda a produção e a liberação de hormônios, como a melatonina e o próprio hormônio do crescimento. Este garante ao indivíduo longevidade com maior jovialidade. Também regula os níveis de outras substâncias responsáveis pela regeneração de células e cicatrização da pele. 

As 5 fases do sono?


      1ª fase:
É a fase do adormecimento. Essa fase pode durar de alguns instantes até 15 minutos e ocupa de 5% a 8% da noite de sono. Funciona como uma espécie de zona intermediária entre estar acordado e dormindo. O cérebro produz ondas irregulares e rápidas e a tensão muscular diminui. A respiração fica suave e os pensamentos do mundo desperto flutuam pela mente. Se for acordada nessa fase, a pessoa reagirá rapidamente, negando que estava dormindo.


 

2ª fase:
De um sono mais leve.
A temperatura corporal e os ritmos cardíaco e respiratório diminuem. As ondas cerebrais diminuem ainda mais. Essa fase ocupa de 45% a 55% do tempo total do sono, durando cerca de 20 minutos. As ondas do cérebro alongam-se, regularizam-se e são afetadas somente por alguma atividade elétrica isolada e repentina. Nesta fase, a pessoa cruza definitivamente o limite entre estar acordada e dormindo. Se alguém levantar suavemente a pálpebra de uma pessoa nessa fase do sono, ela não acordará. Os olhos já não respondem a um estímulo.


 

3ª fase:
O corpo começa a entrar no sono profundo. As ondas cerebrais tornam-se grandes e lentas. É uma fase rápida. Dura cerca de dez minutos por ciclo, o que corresponde a uma média de 5% do tempo na cama.


 

4ª fase:
É o sono profundo, onde o corpo se recupera do cansaço diário. Essa fase é fundamental para a liberação de hormônios ligados ao crescimento e para a recuperação de células e órgãos. Dura cerca de 55 minutos, não mais que 20% da noite. A pessoa fica totalmente inconsciente. Está tão fora do mundo que nem uma tempestade poderá acordá-la.


 

Sono REM:
A atividade cerebral está a pleno vapor e desencadeia o processo de formação dos sonhos. Os músculos ficam paralisados, as freqüências cardíaca e respiratória voltam a aumentar e a pressão arterial sobe. É o momento em que o cérebro faz uma espécie de faxina geral na memória. Fixa as informações importantes captadas durante o dia e descarta os dados inúteis. Durante o REM, os músculos longos do tronco, os braços e as pernas estão paralisados, mas os dedos das mãos e dos pés podem contrair-se. O fluxo sanguíneo em direção ao cérebro aumenta e a respiração fica mais rápida e entrecortada. REM é a fase dos sonhos vividos. Se a pessoa for acordada aqui, provavelmente recordará fragmentos de suas fantasias. Depois de 10 minutos de REM volta-se a descer às fases de sono quieto.


 

Nas primeiras horas da noite predomina o REM. Pela manhã, percorre-se de quatro a cinco vezes o circuito do sono completo. 

Distúrbios do Sono?

Especialistas em sono identificaram mais de cem diferentes distúrbios no sono que vão desde problemas menores até alguns que podem atentar seriamente contra a saúde.
 
Polissonografia:exame detalhado para descobrir os distúrbios do sono.
 
Passar uma noite num hospital cheia de fios pendurados pelo corpo e sendo observada o tempo todo. Parece coisa de Reality Show. Mas na verdade é a polissonografia, exame detalhado para descobrir os distúrbios do sono.
 
Este exame é realizado em laboratórios do sono. Os profissionais fazem de tudo para tornar o ambiente agradável: o colchão é confortável, pode-se controlar a temperatura, a iluminação e ainda é possível levar o seu próprio travesseiro. Assim, começa um exame capaz de detectar nada menos do que 87 distúrbios do sono.
 
A polissonografia detecta os seguintes distúrbios:
 
Ronco;
Apnéia;
Insônia;
Narcolepsia;
 Bruxismo;
Parassonias;
Síndrome das pernas inquietas.
 
Os distúrbios mais comuns são os seguintes:
Ronco:
Uma em cada oito pessoas ronca e os homens são mais propensos a ele do que as mulheres. De costas, a língua cai sobre a garganta e bloqueia o ar. Na realidade, quem ronca dorme mais placidamente. Mas, com certeza, seu eventual acompanhante não. Se o seu companheiro ronca, faça com que ele durma de lado ou que eleve sua cabeça apoiando-a sobre mais de um travesseiro. Outra sugestão é colocar dois calços de 10 cm nos pés da cama, para incliná-la um pouco, colocando a cabeça num nível mais alto que o corpo.
 
Apnéia:
O ronco prolongado e sonoro pode ser um alarme que indica a proximidade de um problema potencialmente fatal.
A pessoa com apnéia crônica durante o sono deixa de respirar por períodos de até dois minutos, dezenas de vezes em uma noite. A causa pode ser uma via respiratória obstruída ou uma interrupção de sinais nervosos entre o cérebro e o diafragma. A apnéia é perigosa, pois falta ao cérebro oxigênio necessário para o seu correto funcionamento. Sessenta por cento dos homens com mais de 50 anos sofrem de apnéia, que causa diminuição de atenção, concentração e memória. A obesidade aumenta o risco de tê-la e torna-se muito perigosa em pessoas com pressão arterial alta. Durante a apnéia, o indivíduo tem pequenos despertares que interrompem o sono, prejudicando o descanso.
 
Bruxismo:
Mais de 20% dos homens, mulheres e crianças rangem os dentes de forma inconsciente durante o sono. Algumas vezes o problema pode ser dental, mas na maioria das vezes é um problema nervoso. Há um método muito simples que vem causando satisfação para mais de 75% das pessoas afetadas por este distúrbio, quando praticado por um período de três semanas. Durante o dia, deve-se contrair as mandíbulas por um lapso de 5 a 10 segundos, para depois relaxá-las outros 5 segundos. A operação deve ser realizada dez vezes por dia. Existem também moldes plásticos confeccionados por dentistas que preservarão os dentes e evitarão ruídos.
 
Narcolepsia:
Sonolência diurna excessiva com tendência a dormir em horas inapropriadas. De origem genética, a doença pode estar associada a outros distúrbios do sono.
 
Síndrome das pernas inquietas:
Movimento irresistível dos membros inferiores, acompanhado de sensações de arrastamento das pernas.
 
Parassonias:
São decorrentes da ativação do sistema nervoso central. As mais comuns são despertar confusional, terror noturno e sonambulismo.
 
Sonambolismo:
Manifesta-se quando se caminha ou se fala dormindo. Três por cento dos adultos, sem distinção de sexo, caminham dormindo regularmente. Quinze por cento das crianças entre 6 e 12 anos (a maioria delas do sexo masculino) caminharam ao menos uma vez quando dormiam e 6% delas o fazem uma vez por semana. Este distúrbio apresenta-se durante a fase de sono mais profundo e um mal-funcionamento cerebral leva o indivíduo de um estado de inconsciência a uma zona de despertar psicológico parcial. Está demonstrado que o sonambulismo tem causa genética, assim como os pesadelos noturnos e a transpiração copiosa. Uma em cada cinco pessoas fala dormindo e isto produz-se durante a fase mais leve do sono. Não se produz uma conversa com sentido, mas sim palavras soltas e respostas sem sentido.

Não há uma fórmula para definir qual deveria ser a duração adequada de um bom sono noturno.
Acreditar que todas as pessoas necessitam da mesma quantidade de sono é tão absurdo quanto crer que cada uma deva ingerir a mesma quantidade de alimentos todos os dias.
Podemos supor que sete horas e meia sejam uma média adequada. Sem dúvida, podemos afirmar que só uma ou duas pessoas em cem sintam-se bem com um sono de cinco horas ou somente uma pequena minoria precisa do dobro.
Cada indivíduo parece ter um apetite inato de sono que provém de sua programação genética tanto como a cor de seu cabelo, pele ou peso corporal.
Uma maneira simples de investigar sobre sua necessidade de horas de sono é levantar todas as manhãs na mesma hora, não importando a hora em que foi deitar no dia anterior. Você está atordoado depois de cinco ou seis horas de sono? Talvez uma hora a mais lhe desse mais energia? Seria muito agregar duas horas?
Se prestarmos atenção na linguagem de nosso corpo e respondermos estas perguntas relacionando as repostas às horas de sono, poderemos determinar um hábito de sono adequado.
Outra alternativa válida é ter um diário de sono. Anote nele, durante uma semana, a que horas vai deitar e a que horas levanta; como sentia-se ao deitar e quanto tempo levou para dormir. Depois, anote como sentiu-se no dia seguinte. No final de cada semana, revise qual foi o dia em que se sentiu com maior energia e vitalidade. Controle quantas horas havia dormido no dia anterior e tome esta quantidade como o tempo máximo de horas que dedicará a dormir na próxima semana. Repita a metodologia e encontrará seu padrão.Nos seis primeiros meses de vida, os bebês dormem até 18 horas por dia. Até os três meses, o sono quase sempre se inicia direto pela fase REM. O bebê tem em média oito horas de sono REM por noite. Em nove meses essa percentagem cai para até 15%. Na idade de dez anos, uma criança precisa de nove a dez horas de sono. A pré-adolescência é a época onde se goza do melhor descanso na vida de uma pessoa. Um pré-adolescente leva de cinco a dez minutos para dormir, dorme nove horas e meia e em 95% do tempo está imerso em um sono profundo e contínuo. Eles têm mais tendência à sonolência excessiva diurna. Dormir mais tarde e conseqüentemente atrasar o horário de acordar se deve a modificações dos ritmos biológicos,que recebem uma ajudinha das festas e do turbilhão hormonal típico da puberdade.
Na idade adulta, normalmente sete horas e meia fornecem um descanso adequado. Alcançamos a maturidade do sono perto dos 19 anos de idade. A necessidade diária da maioria dos indivíduos passa a ser de dormir oito horas. Porém, pesquisas mostram poucos os que conseguem cumpri-las. A média fica pouco acima de sete horas por dia.
Seis horas normalmente são suficientes.
O passar dos anos não afeta somente a quantidade, mas também a qualidade do sono. Assim como da infância para a idade adulta o tempo de sono diminui em 50%, os períodos REM ficam menos profundos.  

Aos sessenta e cinco anos, a proporção de um sono profundo, para ambos os sexos, é a metade de quando se tem 25 anos. Tanto a primeira quanto a segunda fase de sono aumentam. O REM cai para um quinto. Nas idades avançadas, o sono é cada vez mais fragmentado e é muito elevado o número de vezes que se tem a fase de sono próxima à consciência. Uma pessoa saudável de setenta a setenta e cinco anos, com uma média de sete horas de sono, pode estar até 153 vezes próxima do Despertar Súbito, enquanto que em um mesmo período um jovem de vinte e cinco anos somente estará 10 vezes próximo ao Despertar Súbito. 

Os egípcios comparavam o fato de estar deitado em uma cama sem conseguir dormir com um inferno vivo”. A cada noite, milhares de homens e mulheres transitam por este reino de silencioso sofrimento e um em cada três adultos não consegue dominar seu cansaço e obter um descanso reparador.

A insônia é o termo mais utilizado para descrever um problema relacionado com o sono, podendo ser classificada em três categorias:

Transitória:
É a mais comum e geralmente manifesta-se em qualquer pessoa em momentos que antecedem um evento importante, como: um exame, uma entrevista de trabalho ou a final de um campeonato.

De curto prazo:
É a insônia que persiste durante várias semanas e nasce de uma situação de estresse ou de crise, tal como a doença de um membro da família ou a perda do emprego.

De longo prazo:
Denomina-se crônica e pode trazer sofrimento por meses e às vezes por anos.
 
 
Em todas as suas manifestações, a insônia envolve a pessoa em um círculo vicioso; sente-se muito preocupada por não poder dormir e não dorme porque está muito preocupada.

Em três categorias, a insônia pode ser tratada e curada. Não é aconselhável a automedicação.
E se a insônia supera a categoria de curto prazo, aconselha-se analisar a situação com um médico.

A cama é lugar para dormir. Algumas medidas simples são capazes de tornar o quarto um ambiente convidativo para o bem-dormir e afastar substâncias e atitudes estimulantes. É o que os médicos chamam de higiene do sono e de controle de estímulos. Evite assistir televisão no quarto. Ainda melhor é levar o aparelho para a sala. A luminosidade da tela é acusada de instigar a insônia em algumas pessoas.
 
 
Uma pesquisa concluída em junho na Universidade de Akita, no Japão, iluminou ainda mais a questão. Os médicos de lá descobriram que estudantes que jogavam videogame à noite tinham níveis menores de melatonina, o hormônio que induz ao sono.

No Japão, segundo um outro estudo recente, 53,7% dos usuários da Internet passaram a dormir mais tarde e 45% deles tiveram menos horas de sono.

Sete homens jovens, com uma média de 24,7 anos, para testar a relação entre luminosidade dos jogos eletrônicos e a dificuldade de pegar no sono.

O resultado, em resumo, aponta que jogar videogame em telas brilhantes suprime as alterações noturnas da concentração de melatonina e de outros indicadores do relógio biológico dos seres humanos.

O alongamento antes de dormir deveria fazer parte da rotina de todos, pois atua diretamente nos músculos, deixando-os relaxados. A sensação de desconforto e as dores provocadas pela tensão muscular dificultam o sono.

Se ainda estiver difícil pregar o olho, mesmo depois de tantas dicas, não há outra saída: saia da cama e vá fazer algo relaxante. Volte para lá apenas quando estiver sonolento, pois passar muito tempo acordado no leito, tentando dormir, não ajuda nada.

Outra atitude, digamos, sonoterapêutica é manter uma rotina regular, com horários certos para comer, tomar remédios ou praticar qualquer tipo de atividade. Métodos como a reflexologia, que trata-se de uma massagem nos pés utilizando o toque para fazer com que o organismo volte ao seu estado natural de equilíbrio e relaxamento.

A massagem pode contribuir para afastar os distúrbios do sono, pois ajuda a amenizar o estresse.

Também realizaram um estudo sobre técnicas de relaxamento e ansiedade, onde foram utilizados exercícios respiratórios da pranayama, a linha indiana da ioga. Percebeu-se que depois de três meses de treinamento o grupo observado teve uma redução no nível de ansiedade de 50,7 para 38,3, de acordo com um teste específico de mensuração, o Idate.
 
 
Indicar exercícios físicos ajuda a melhorar a qualidade do sono, mas fazemos uma advertência importante: evite essas atividades próximas ao horário de dormir. Para aqueles que não costumam praticar esportes, os treinos noturnos fortes podem causar insônia. O exercício provoca a liberação das cotecolaminas, como a noradrenalina, dopamina e adrenalina. São estimulantes que dificultam o adormecer.

Os músculos não acostumados com esforço podem chegar ao estágio de fadiga, o que é sinônimo de dor e desconforto.

Quanto maior a temperatura corporal, menor é a produção e a liberação da melatonina, hormônio que ajuda na indução do sono.
http://www.colchaocostarica.com.br/dicas_do_sono/colchao/Disturbios-do-Sono_22.html

Características de Uso do Seu Colchão

Características de Uso do Seu Colchão

Características de Uso do Seu Colchão

 
Os Colchões de Molas:
Os Colchões de Molas sofrem amaciamento é a perda de dureza natural do colchão na medida certa, proporcionando um maior conforto pois sua coluna estará na posição correta.
Nos primeiros meses acontecerá um amaciamento das camadas de espuma do estofamento do seu colchão, principalmente na área central, ou seja, em sua área de maior utilização.

Esta é uma situação normal e faz parte das propriedades físicas da espuma prevista pela norma da ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas ) NBR 15.413 e do Pró-Espuma Qualidade, que estabelece um limite de 25% para o amaciamento da área de utilização em relação as alturas laterais.

Os Colchões de Espuma:
 
Os Colchões de Espuma sofrem acomodação é a perda de espessura do colchão na área de maior pressão exercida pelo corpo. Acontece um desgaste natural de uso em que a espuma vai perdendo firmesa no decorrer do uso.
As espumas do colchão durante a sua utilização, podem perder até 10% da sua altura original, esta é uma situação normal e faz parte das propriedades físicas da espuma prevista pela norma da ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas ) NBR 15.413 e do Pró-Espuma Qualidade, por isso é necessário que nos primeiros 6 meses de utilização se faça o giro quinzenal do colchão, alternando sua área de utilização para que a acomodação da espuma se dê por igual. Mais explicações sobre este giro você encontra em nossas paginas de dicas do sono. 
http://www.colchaocostarica.com.br/dicas_do_sono/colchao/CaracterIsticas-de-Uso-do-Seu-Colchao_39.html
 
Fonte: Normas da ABNT NBR 15.413 disponível no site http://www.abnt.org.br

Colchão e Quais São as Medidas de um Colchão?

Colchão e Quais São as Medidas de um Colchão?

Tamanhos dos Colchões:

As medidas padrões no Brasil para colchões e cama box de casal:

0,78 x 1,88 m - Solteiro
0,88 x 1,88 m - Solteiro
1,28 x 1,88 m - Casal
1,38 x 1,88 m - Casal
1,58 x 1,98 m - Queen Size
1,86 x 1,98m - King Size
1,93 x 2,03 m - King Size


As medidas americanas:

0,96 x 2,03m
1,00 x 2,00m
1,20 x 2,03m
1,80 x 2,00m

 
Medidas Especiais Fora dos Padrões do Brasil: 
Qualquer outra medida fora dos padrões do Brasil e do fabricante,  é fabricado sob medida especial fornecida pelo cliente. Você pode fazer o seu Colchão e sua Cama Box na medida de sua necessidade personalizada. Para fazer seu colchão sob medida pode ser alterado a largura e o comprimento.
 Os colchões de molas e ortopédicos não pode ser alterado a altura pela razão de perderem totalmente a sua qualidade de conforto, por estar alterando a sua estrutura.
Os colchões de espuma pode ser alterado na altura, sempre respeitando algumas regras:
-  O colchão com pilow top de espuma não poderá ter menos 17 cm, altura abaixo de 17cm será sem pilow top.
- O mínimo de altura ideal para um colchão de espuma  será com 0,12 cm altura, abaixo dessa altura comprometerá a suas funções de qualidade de conforto.
Os colchões podem variar nas medidas de fabricação (comprimento x largura) em +- 2 cm conforme as regras da ABNT (Associação Brasileira de Normas Tecnica)..

Cuidados do seu Colchão

Como Deve Ser a Manutenção e os Cuidados do seu Colchão?

  
Como sei se está na hora de trocar o meu colchão?
Um colchão de excelência dura em média de 3 a 7 anos de acordo com a linha, modelo e qualidade. Todavia, existe uma variação conforme o tipo de produto e fabricante. Devemos verificar no certificado qual o tempo de uso recomendado.
De qualquer maneira devemos ter a atenção freqüente para a situação do produto. Alguns sinais mostram que está na hora de trocá-lo. Verificar se existe alguma mancha ou coloração diferente, buracos ou sujeira. Estar desnivelado, com a densidade muito baixa e desconfortável, mostra também a necessidade da troca.

A maioria dos fabricantes faz a indicação sobre a melhor forma de manutenção.
• Não coloca-lo em uso com o plástico da embalagem;
• Virar a cada 15 dias.
• Não colocar objetos pontiagudos ou pesados;
• Não saltar ou dobrar;
• Evitar usar estrados sem ventilação, cobri-lo ou forrá-lo com plásticos ou cobertores;
• O colchão precisa respirar, coloque seu colchão para arejar.

Caso haja alguma infiltração no quarto, deixa-lo o mais longe possível para evitar que apareçam mofos.
Se molhar com urina, como devo limpa-lo?
Coloque toalhas, papéis toalha ou jornais para absorver o líquido. Faça uma vaporização com uma mistura de água e vinagre e coloque para arejar sem presença de sol. No material entregue pelo fabricante, normalmente ele indica como devem ser feitas as limpezas.
E se molhar com outros líquidos?
O procedimento pode ser igual o citado acima..
Tenho alergia. Devo fazer algum tipo de limpeza especial?
Manter o quarto livre de poeira e ácaros é importante, abrindo as janelas para que o ar circule, evitar tapetes e materiais que retenham poeira. Com isso a retenção no colchão também é muito menor. Virar o colchão uma vez por semana e colocá-lo para arejar sem a presença de sol.
Para eliminar bactérias, fungos e outros tipos de ácaros, recomenda-se que se pinte o quarto a cada ano. Como deve ser a manutenção e os cuidados?
O que fazer com os colchões velhos?
Os materiais podem ser reciclados. Existem empresas que fazem o recolhimento. Doação. Algumas instituições aceitam doações. Elas realizam uma avaliação das condições antes de disponibilizá-los para uso.
Nunca os jogue em terrenos baldios ou rios.

O Que é o Rodizio do Colchão?
Uma vez comprado o colchão que vai embalar os seus sonhos, é preciso cuidar dele para que a qualidade e conforto sejam duradouros. Cada tipo de colchão tem uma vida útil determinada - para espuma, a troca é recomendada em cinco anos, enquanto os modelos com molas devem ser trocados em um período que varia de 8 a 10 anos.
Entretanto, certos cuidados são necessários, sem eles, a vida útil prometida pelo fabricante pode ser reduzida drasticamente, adiantando a necessidade da troca.
Uma técnica simples ajuda a minimizar o desgaste natural do material – que causa posteriormente um afundamento desigual, tornando o colchão nocivo para a coluna. É o giro do colchão.
O giro do colchão é necessário para a maioria dos modelos de colchões disponíveis no mercado. Ele ajuda a compensar esse desgaste, e deve ser feito periodicamente.
Quando virar o colchão?
Cada modelo apresenta um desgaste diferente, de acordo com o material utilizado em sua composição. Entretanto, não existe um consenso sobre a frequência para cada modelo: independentemente do colchão, alguns vendedores especializados recomendam a seus clientes que façam o procedimento mensalmente, enquanto outros recomendam que se faça o procedimento de 15 em 15 dias durante os primeiros seis meses, prolongando o intervalo para três meses após este período.
Para fazer o giro do colchão mais eficiente, use o seguinte método: no primeiro mês, gire o colchão horizontalmente, invertendo o lado dos pés e da cabeça. No mês seguinte, repita o procedimento, mas desta vez virando a face do colchão que estava pra cima para o outro lado. Para que você não esqueça qual lado virou da última vez, uma dica: cole uma etiqueta adesiva ou fita crepe em uma das laterais do colchão, informando o mês e o lado que foi virado. Você nunca mais vai se confundir.
Outras dicas para a conservação do seu colchão.
Existem outros cuidados úteis que podemos tomar para que o colchão dure mais tempo. Siga essas dicas e prolongue o seu bem-estar durante a noite de sono:
- Nunca dobre o colchão, e proíba as crianças de pularem sobre ele. Estes hábitos acabam com a estrutura do colchão, acelerando o desgaste e danificando a espuma ou mola, além de forçar o estrado;
- Utilize uma capa para proteger o seu colchão. Isso faz com que sua cobertura em tecido dure mais e protege o colchão do contato com o suor ou outras substâncias. Usar o plástico da embalagem não é uma opção, pois impede que o colchão respire e favorece a propagação de microorganismos;
- Conserte o estrado. Apoiar bons colchões em estrados danificados não é uma boa idéia, pois aumenta o desgaste que ocorre naturalmente, além de fazer mal à coluna. Certifique-se de que o seu colchão está apoiado em um estrado compatível. Colchões King e Queen size exigem estrados mais robustos, com suporte central resistente. Estrados mais frágeis se deformam com facilidade, comprometendo a durabilidade do colchão;
- Não apóie objetos pesados ou pontiagudos sobre a cama. Ferros de passar roupa, gavetas cheias ou pilhas de livros podem afundar o colchão;
- Ventile o colchão periodicamente, mesmo os modelos que incluem respiros ou tratamento antialérgico.

Cuide do seu colchão com carinho e durma melhor!
http://www.colchaocostarica.com.br/dicas_do_sono/colchao/Como-Deve-Ser-a-Manutencao-e-os-Cuidados-do-seu-Colchao_29.html

18 de out de 2010

Conheça 5 motivos para ingerir gelatina:

Conheça 5 motivos para ingerir gelatina:



1- Uma porção de 80g de gelatina tem em média, 20 calorias. Além disso, ela aumenta a sensação de saciedade e faz com que a pessoa coma menos. É ideal para substituir o doce na sobremesa.

2- Fica ótima com sucos de frutas ou iogurte. Uma dica é bater o pó com essas bebidas. Dê preferência à gelatina sem sabor pois os corantes interferem na absorção do colágeno, além de serem muito artificiais.

3- Por conter aminoácidos essenciais, favorece a síntese do colágeno, importante fonte de sustentação dos tecidos. Isso reduz a flacidez e combate a celulite. Dá força e resistência aos ossos e às articulações, prevenindo artrose e até osteoporose.

4- Faz bem para a pele e acelera o crescimento dos cabelos, tornando os fios mais fortes. Como o colágeno faz parte da matriz das unhas, os minerais se fixam melhor e elas ganham mais força.

5- Por ser composta principalmente de proteína de fácil digestão e assimilação, a gelatina ajuda a complementar a ingestão de proteínas de outras fontes (carne, ovos, etc.).

16 de out de 2010

IPVA Tabela de SP, RJ, MG, ES

O ano de 2010  chegou! Apesar do carnaval ainda não ter chegado e, portanto o ano ainda não ter começado de fato, já estamos naquela época que quem tem carro precisa acertar as contas com o governo e se desprender de certa quantia de dinheiro.
Ou seja, estamos no período de pagamento do IPVA. A quantia do IPVA depende do valor de tabela do seu carro. Geralmente, o IPVA total fica entre 2% e 5% o valor do carro. Por exemplo, se o carro vale R$ 35.000, o IPVA a ser pago ficará entre R$ 700,00 e R$ 1.750. Lembrando que o IPVA pode ser parcelado em até três vezes ou ser pago a vista com desconto.
Para saber o vencimento do IPVA  e o valor a pagar, visite um dos sites abaixo de acordo com o seu estado.
Ipva 2010: Tabela de SP, RJ, MG e ES
- Ipva 2010 SP
- Ipva 2010 RJ
- Ipva 2010 MG
- Ipva 2010 ES

fazer transferências entre bancos pelo internet banking.

fazer transferências entre bancos pelo internet banking.

O Internet Banking é muito útil para quem deseja pagar contas, fazer transferências pela internet. A grande maioria dos bancos disponibilizam esse recursos gratuitamente. Bradesco, Banco do Brasil, Itaú e Caixa Econômica Federal são alguns dos bancos que possuem internet bankings relativamente “seguros”.
Para pagar contas e fazer transferências, alguns bancos pedem que a liberação seja feita na central de atendimento do internet banking. Alguns também pedem que instalem softwares homologados pelo banco para possam aumentar a segurança.
Antes de usar o internet banking é extremamente recomendável usar um firewall e fazer um escaneamento com o seu anti-vírus e anti-spyware devidamente atualizados. Não use o Internet Explorer, a segurança dele é pífia e você pode perder muito dinheiro usando esse navegador.
Acessando o internet banking
Para acessar o internet banking visite o site do seu banco (ver lista de links abaixo). Digite os dados da sua conta e siga as instruções. Quando tiver feito o cadastro e estiver dentro do internet banking propriamente dito basta procurar por pagar boleto bancário, ou pagar conta. Transferência deve estar bem a vista, e você não terá grandes problemas para localizar.
Lista de sites dos bancos.
- www.bb.com.br (Banco do Brasil)
- www.bradesco.com.br (Bradesco)
- www.itau.com.br (Itaú)
- www.caixa.gov.br (Caixa Econômica Federal)
- www.unibanco.com.br (Unibanco)
- www.bancoreal.com.br (Banco Real)

Resultado da Mega Sena: Números sorteados, ganhadores, prêmios.

Resultado da Mega Sena: Números sorteados, ganhadores, prêmios.

Ganhar na Mega-Sena  é o sonho de qualquer brasileiro. Não só por pagar praticamente o maior prêmio entre as loterias, mas também por ser extremamente difícil de acertar os números que serão sorteados.
Para apostar na mega-sena é necessário que o apostador desembolse o valor de 1 real para ter o direito de tentar a sorte com 6 números. O valor é bem pequeno comparado ao prêmio que as vezes chega até aos 30 milhões de reais.
Contudo, se você não acertar os 6 números ainda poderá ganhar com 4 e 5.
Os resultados da mega-sena pode ser visualizado pela internet através do site da Caixa. Nele também é possível saber o valor do prêmio, se houve ganhadores ou se acumulou.

FIES é um programa do governo federal que visa financiar a graduação de estudantes

O FIES  é um programa do governo federal que visa financiar a graduação de estudantes que não possuem condições financeiras para arcar com os custos de uma universidade particular. Apesar da maioria das pessoas preferirem uma universidade pública, nem todo mundo consegue entrar em uma e para conseguirem a tal sonhada graduação acabam tendo que ingressar em uma particular, e o FIES  é uma oportunidade para quem não tem dinheiro suficiente para pagar mensalidade de faculdade.
A ordem de prioridade para conseguir um financiamento pelo FIES é a seguinte:
  • Bolsistas parciais de 50% do ProUni – Programa Universidade para Todos, seja de bolsas oferecidas obrigatoriamente como adicionalmente.
  • Estudantes beneficiários de bolsas complementares matriculados em cursos considerados prioritários.
  • Estudantes beneficiários de bolsas complementares matriculados nos demais cursos.
  • Estudantes matriculados em instituições de educação superior que tenham aderido ao ProUni.
  • Demais estudantes matriculados em Instituições de Ensino Superior que não tenham aderido ao ProUni.
Recentemente alguns estudantes estavam indignados com o FIES devido a taxa de juros e o prazo para pagamento, o qual só começa a valer depois que é concluída a graduação.
Para saber mais sobre o FIES acesse o site oficial clicando abaixo.
- Saiba tudo sobre o FIES

Identidade e CPF


Identidade e CPF  são um dos documentos praticamente obrigatórios para qualquer brasileiro. Acontece, que as vezes seja por esquecimento ou por puro desleixo, muitas pessoas acabam não tendo o CPF ou o RG. Para tirar esses dois documentos é necessário saber o seguinte.
- É cobrado uma taxa para a emissão do CPF, geralmente em torno de 5 reais e da identidade, que fica por volta dos 8 reais (em Minas) (varia de estado para estado).
- É preciso ter certidão de nascimento.
Caso você atenda os dois requisitos acima, basta fazer os seus documentos nos seguintes locais.
CPF: Caixa Econômica Federal ou Correios.
-É necessário levar a identidade ou certidão de nascimento.
- A apresentação do título de eleitor é obrigatória para quem possui mais de 18 anos, sendo desnecessário após os 70.
RG (Identidade): Delegacia de Polícia ou Serviço de Atendimento ao Público do estado.
- A Certidão de nascimento ou casamento é requerido.
- O cidadão também deverá apresentar duas fotos 3×4.

Doce de leite

Doce de leite é um dos melhores doces que existem. Há várias combinações que deixam o doce de leite  mais saboroso, ou simplesmente diferente para quem está enjoado do “normal”. Doce de leite com coco, doce de leite marrom (açúcar queimado), pingo, doce de leite com chocolate são alguns das várias combinações existentes.
Há diversas  receitas de como fazer doce de leite. Por exemplo, a mais simples é a seguinte para doce de leite pastoso feita no programa Mais Você.
Ingredientes
- 4 litros de leite (de vaca, não o pasteurizado)
- 2 kg açúcar
Modo de preparo
Misture o leite e o açúcar e leve ao fogo até adquirir consistência cremosa.
Para fazer doce de leite em pedaços, veja a receita abaixo do site Tudo Gostoso.
Ingredientes
- 1 litro de leite
- 1 quilo de açúcar
- 1 colher(chá) de bicarbonato de sódio
Modo de preparo
1. Misture o leite com o açúcar e leve ao fogo até ferver
2. Adicione o bicarbonato, abaixe o fogo e deixe ferver brandamente até engrossar, sem parar de mexer, até aparecer o fundo da panela
3. Retire do fogo e bata o doce até começar a perder o brilho
4. Despeje numa pia de mármore ou tabuleiro untados com manteiga e depois de frio, corte.

12 de out de 2010

odores da vagina

Os cheiros da vagina

 

Todos os adultos conhecem o cheiro dos genitais femininos; ainda que nem todas cheiram igual. Alguns cheiros de vagina recordam aromas doces e ligeiramente acres. Outros, no entanto, são associados aos eflúvios mefíticos de uma cloaca. A cultura popular estigmatizou estes aromas fortes do sexo feminino com expressões do tipo "cheiro de peixe" e daí originaram piadinhas como a do cego que passa na frente de uma peixaria e diz: - "Bom dia, senhoras".




Talvez seja questão de higiene, mas não mais que a higiene de nossas ideias preconcebidas e da lavagem cerebral a que fomos submetidos. A gente costuma imaginar uma vagina como um reduto de germes que deve de ser lavada com dedicação e exaustão com uma escova de aço até que dela desapareça qualquer cheiro ou lubrificação. Na realidade não é bem assim. A flora vaginal está repleta de germes, é verdade, mas os germes passeiam tranquilamente por todos os órgãos de nosso corpo -dias atrás vimos que a própria boca tem quase mil bactérias-. O importante é esclarecer que tipo de germes são, porque a total ausência deles também é nociva. Em condições saudáveis, por exemplo, as bactérias da vagina têm uma função benéfica. 
Uma vagina de cheiro desagradável nem sempre é sinônimo da falta de higiene. Na realidade o excesso de higiene neste caso é pior que a falta de higiene, pois destrói a imprescindível flora vaginal. Um cheiro fétido pode ser produzido pelo que se chama vaginose bacteriana, uma infecção que produz compostos como a trimetilamina, que curiosamente é a mesma substância que outorga seu cheiro ao peixe não muito fresco. Também encontraremos putrescina, que é encontrada na carne putrefata, e a cadaverina, que todos já devem estar imaginando de onde origina o nome.

Uma vagina saudável deve estar povoada por uma colônia de lactobacilos, isso mesmo, as mesmas bactérias que encontramos no danoninho, que vivem ali dentro, protegidos do exterior, quentes, bem alimentados pelas proteínas e os açúcares do tecido, e em troca proporcionam proteção em relação a bactérias invasoras gerando desinfetantes como o ácido láctico e o peróxido de hidrogênio. Por isso uma vagina saudável desprende um aroma similar ao do ácido láctico do iogurte e possui um pH de 3,8 ao 4,5, mais ou menos o mesmo de um copo de vinho com buquê incorpado.

O fluxo vaginal, por sua vez, possui uma composição parecida à do soro. Água, albumina, glóbulos brancos e mucina, a substância que outorga o gel brilhante à vagina. O fluxo vaginal, nesse sentido, não tem nada a ver com a urina, só é um lubrificante, como o que provoca que nossos olhos não se ressequem ou que nossa língua não pareça um pedaço de cortiça.



Outro dos desencadeantes da vaginose bacteriana, além do excesso de higiene, são os homens. Em concreto, seu sêmen. A ejaculação masculina no interior da vagina também pode prejudicar a flora vaginal. Ao que parece, os espermatozoides não são capazes de nadar no meio ácido de uma vagina saudável, de modo que vêm envolvidos em uma solução alcalina, que incrementa o pH da vagina, favorecendo a invasão de bactérias não desejadas.
Normalmente, uma simples relação não provoca esta reação, pois a vagina recupera seu pH com bastante facilidade, mas os riscos aumentam quando se mantêm muitas relações sexuais com parceiros diferentes, já que as defesas imunológicas, então, não funcionam tão bem. De modo que antes de dizer de forma apressada que uma vagina cheira a pescado, talvez teria que se propor se na realidade o responsável por esse cheiro não foi o sêmen de um homem. Ou melhor dizendo, d o sêmen de muitos homens diferentes.

Postagens populares

Minha lista de blogs

tang

Pesquisa personalizada
User-agent: Mediapartners-Google* Disallow:Abobora Doce Recheada Adimito Amendoas Bacalhoada Bolinho Caranguejo Bolinho Recheado Queijo Bolos Decorados Mecanico Calda Manjar Carne Receita Cerveja Creme De Maca Croqueta Frango Presunto Feito Cuscuz Marroquino Folhadinhos Rapidos Gelatina Abacaxi Hoteis Inquilinato Laranja Morangos Licor Ameixa Macas Glaceadas Massa Leitao Massas Yakisoba Menus Dia Namorados Microondas Pao Molho Requeijao Frango Molhos Especial Tender Muffins De Halloween Paelha Marisco Panquecas Ovos Pate De Caviar Pessego Receitas De Pimenta Limao Polpa Manga Receitas Castanhas Portuguesas Receitas Cheesecake Receitas Rapidas Natal Repolho Crespo Risotto Pato Saladas Vinaigrette Sobremesas De Copinhos Sopa Arroz Feijao Sopa Courgette Sorvetes De Damasco Souvlaki Spaghetti Receitas Tarte Espinafres Frango Tarte Fruta Natas Tomates Forno Video Racao Humana